Renato pede calma a Pepê: “Não custa nada esperar dois meses”

Pepê tem propostas da Europa e pode deixar o Grêmio antes mesmo do fim da temporada

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores.com.

Pepê é um dos jogadores brasileiros mais assediados no inicio deste ano. O atacante interessa ao Porto, Sevilla, Zenit e outros clubes europeus. Toda essa badalação, fez com que Renato Gaúcho chamasse o atleta para conversar e pedir “paciência” a ele.

“Conversei bastante tempo com ele. Já tínhamos conversado há um tempo, mas falamos de novo na quinta-feira (da semana passada). Foram uns 15 ou 20 minutos de conversa. Dei conselhos a ele, ele concordou, mas este é um assunto particular nosso. Eu sempre procuro aconselhar os mais jovens, entender o lado do clube”, disse Renato.

Um dos motivos de Renato chamar Pepê para uma conversa, é a possibilidade de o atacante deixar o Grêmio antes do término do Brasileirão e da Copa do Brasil.

“Uma das coisas que falei para ele é para ter calma. Temos dois meses e duas competições importantíssimas na temporada. Se chegarem as propostas, depois, ele senta com a direção do clube, o presidente, o empresário dele, e se acertam. O importante é ter a cabeça aqui. Não custa nada esperar dois meses. Quanto mais se a gente ganhar, mais valorizado é o jogador. Ele é muito valorizado, é ‘fominha’, quer jogar todas… Se tiver que acontecer, vai acontecer naturalmente. Nossa conversa foi boa e ele está com a cabeça totalmente focada no Grêmio”, disse.

VEJA TAMBÉM:

Em aberto! Zinho vê 6 times na briga pelo título brasileiro

Especulado em grandes clubes brasileiros, Vina revela aonde quer jogar no futuro

Corinthians mantém sondagem por Dentinho e outro ‘ídolo’ recente entra na mira do clube

3 times da Séria A do Brasileirão sondaram Boselli, diz jornal

Mais sobre o autor:

Twitter

Instagram