Meia do Salgueiro-PE reconhece força do Corinthians, mas aposta em “time aguerrido” para surpreender o Timão

As duas equipes se enfrentam na primeira fase da Copa do Brasil 2021 em duelo de jogo único

Flavio Souza
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Marlon Costa / Pernambuco Press

Nesta próxima quarta-feira (17), às 21h30, Corinthians e Salgueiro-PE jogam no Estádio Cornélio de Barros. A partida marca a estreia dos clubes na atual edição da Copa do Brasil e vale vaga na segunda fase. Para o time pernambucano a classificação seria muito importante, afinal avançar para a próxima etapa da competição renderia R$ 1,07 milhão aos cofres. Por conta disso, a equipe sonha em surpreender e eliminar o time paulista.

O meia Tarcísio, que teve atuação de destaque na vitória contra o Santa Cruz, na Copa do Nordeste, falou sobre o confronto desta próxima quarta-feira.

“Será uma partida complicada, contra uma equipe de muita tradição e qualidade. Temos os pés no chão e sabemos o que vamos enfrentar, mas somos um time aguerrido, que se doa em campo do início ao fim. Nosso torcedor pode ter certeza que vai ter muita entrega da nossa parte”, afirmou.

Por conta do regulamento das duas primeiras fases, o time que joga fora de casa tem a vantagem do empate. Dessa forma, o Salgueiro só avança para a próxima fase caso vença o Timão.

Empolgação para o duelo contra o Corinthians

O Salgueiro-PE chega com moral elevada, já que conseguiu uma importante vitória contra o Santa Cruz, na última quinta-feira (11), pelo placar de 1 x 0. Neste duelo, Carcará se destacou, dando a assistência para o gol de Leozão. Com isso, a equipe chegou a sua primeira vitória após derrotas nas rodadas iniciais.

“A gente não podia adiar mais essa vitória. O campeonato é muito forte e equilibrado, então era muito importante ganhar para que a gente não começasse a ver nossos adversários se distanciarem. Fico feliz de ter contribuído de novo, mas foi uma conquista de todo o grupo. Todo mundo se dedicou muito e fomos abençoados no final”.

LEIA MAIS:

Por que Cazares não jogou nos dois últimos jogos do Corinthians?

Duílio explica real motivo da demissão de médico do Corinthians