Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Após ser chamado de ‘mal intencionado’, juiz de Derby de 2018 será indenizado por Clayson, ex-Corinthians

Em jogo entre Corinthians e Palmeiras em 2018, o atacante Clayson chamou o árbitro de ‘mal intencionado’ e terá que pagar indenização pela fala

Diego Lucio Castro de Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

O atacante Clayson, ex-Corinthians, terá que pagar uma indenização de R$30 mil ao árbitro Leandro Bizzo Marinho. A condenação foi por uma fala do atleta em entrevista pós-jogo na final do Paulistão de 2018, dizendo que o juiz estava ‘mal intencionado’. Na ocasião, Clayson foi expulso após confusão com Felipe Melo do Palmeiras.

O atacante que está a caminho do Cuiabá, terá que pagar ainda 15% de custos e despesas processuais, bem como honorários advocatícios. Além disso, Clayson terá que publicar nota de retratação no máximo em 15 dias. A sentença foi publicada no final desta segunda(29), e aceita recurso.

Na decisão judicial, chegou a ser citado que Leandro Bizzo estava sendo perseguido por causa da entrevista do atleta. Em sua defesa, Clayson diz que o ambiente do futebol é cheio de xingamentos e que a expressão ‘mal intencionado’ é pouco perto do que acontece dentro de campo.

Siga o autor no Twitter/Instagram

LEIA MAIS
5 jogadores que chegaram badalados e decepcionaram no Corinthians

Diretor do Atlético desmente negociação por Jemerson e explica o motivo

Corinthians tem 9 atletas encerrando o contrato em 2021; veja quem são e a situação de cada um

CBF se empenha para sequência do futebol em meio à pandemia e promete não parar