Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Contrato de risco: Vasco se protege e vínculo de Rômulo será de produtividade

Rômulo retorna ao clube após rescindir contrato com o Shijiazhuang Ever Bright, da China

Wilson Pimentel
Jornalista esportivo desde 1998. Cobriu os principais eventos esportivos da última década. Passou pelas redações do SBT, Record TV, CNT, Esporte Interativo, Rádio Tupi, Rádio Brasil e Rádio Manchete. É correspondente de veículos de comunicação da Colômbia, Croácia, Paraguai e Portugal. Está no Torcedores.com desde 2019.

Crédito: Divulgação/ Vasco

O Vasco anunciou nesta terça-feira a volta do volante Rômulo, ex-Flamengo e Grêmio. O jogador assinou contrato com o clube até o fim de 2021. Ele estava livre no mercado após rescindir com o Shijiazhuang Ever Bright, da China, no começo do ano.

Campeão da Série B do Campeonato Brasileiro em 2009 e da Copa do Brasil em 2011, Rômulo retorna a São Januário após oito temporadas. Ele defendeu o Gigante da Colina pela primeira vez entre 2009 e 2012 onde viveu o auge da carreira.

“Não tenho palavras para agradecer ao clube por essa nova oportunidade. Lá atrás, quando estava no Porto de Caruaru, o Vasco me descobriu, apostou em mim, acreditou no meu potencial. E agora está novamente abrindo as portas para mim. Se consegui conquistar coisas grandes no futebol, disputar Olimpíada, chegar na Seleção Brasileira, jogar na Europa e ajudar minha família foi por conta do Vasco”, disse ao site oficial.

Rômulo, inclusive, retorna ao Vasco com um contrato de produtividade. À primeira vista, o acordo prevê um salário fixo dentro da realidade financeira do clube. Com retrospecto de grandes lesões, o jogador aceitou uma cláusula de rescisão imediata caso fique um longo período machucado.

“Vivi momentos incríveis aqui dentro, aquela recepção depois do título da Copa do Brasil jamais saiu da minha cabeça. Vai ser um prazer imenso vestir essa camisa novamente. Também não vejo a hora de pisar em São Januário, sentir o calor da torcida. Estou voltando para minha verdadeira casa e me sinto extremamente feliz por isso”, finalizou.

A carreira de Rômulo

Nascido em Picos, Piauí, Rômulo Borges Monteiro foi revelado pelo Porto-PR. Em 2009, ele foi contratado pelo Vasco inicialmente para integrar a equipe sub-20. Contudo, foi promovido ao profissional pelo técnico Dorival Júnior.

Ao lado de Fernando Prass, Fagner, Dedé, Ramon, Nilton, Allan, Carlos Alberto, Alex Teixeira, Phillipe Coutinho e Alex Teixeira, o volante conquistou a Série B do Campeonato Brasileiro. Posteriormente, foi fundamental no título da Copa do Brasil de 2011.

Logo após deixar o Vasco em 2012, Rômulo atuou cinco temporadas pelo Spartak Moscou. Apesar das boas atuações, o meio-campista teve sua passagem marcada por sucessivas lesões musculares. Após deixar o futebol russo, o atleta teve passagem apagada por Flamengo e Grêmio.

A princípio, a contratação de Rômulo foi aprovada pelo técnico Marcelo Cabo. Afinal, ele é considerado experiente o suficiente para liderar o jovem elenco vascaíno na Série B do Campeonato Brasileiro. Aos 30 anos, ele se junta aos rodados Vanderlei, Leandro Castan e Germán Cano.

As melhores notícias de esportes, direto para você

    

 

LEIA MAIS: 

Roberto Dinamite, comentaristas da Globo e mais: relembre os brasileiros que não deram certo na Europa 

Novo Vasco? Bruno César pode reforçar o time na Série B do Campeonato Brasileiro 

Vasco tenta driblar fama de ‘mau pagador’ para contratar Vanderlei, ex-goleiro do Grêmio