Especulado no Grêmio, ex-atacante do Cruzeiro acerta transferência para clube da MLS

Ramón Ábila assinou contrato com o Minnesota United até dezembro de 2021

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ Cruzeiro

Destaque do Boca Juniors nas últimas temporadas, o atacante Ramón Ábila teve o nome ligado a um possível retorno ao futebol brasileiro nas últimas semanas. O ex-atacante do Cruzeiro estava na mira do Grêmio. No entanto, o jogador acertou sua transferência para a MLS.

Ramón Ábila foi emprestado pelo Boca Juniors ao Minnesota United, dos Estados Unidos. O vínculo do centroavante de 31 anos vai até dezembro de 2021. Além disso, o acordo prevê a compra dos direitos econômicos no fim do compromisso.

“Eu gostei do clube, especialmente com o que Bebelo (Reynoso, meia argentino que joga na equipe) me falou sobre como as coisas aconteceram para ele e o que o time já conseguiu na última temporada”, disse o atacante ao site oficial do clube.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Ele é o 14º reforço do clube para esta temporada. Além do argentino, o Minnesota United acertou com outras estrelas internacionais como o finlandês Jukka Raitala, o dinamarquês Niko Hansen, o australiano Noah Billingsley e os canadenses Callun Montgomery e Dayne St. Clair.

Ramón Ábila, é ao lado de Alexandre Pato, uma das contratações de maior destaque da Major League Soccer. Recentemente, o centroavante declarou à imprensa argentina seu desejo de deixar o Boca Juniors em busca de novos desafios na carreira.

‘Wanchope’, como é conhecido em seu país, atuou por quatro temporadas pela equipe de Buenos Aires. Nesse ínterim, venceu o Campeonato Argentino (2017/2018 e 2019/2020) e a Supercopa da Argentina (2018). Além disso, marcou 36 gols em 83 partidas.

Ramón Ábila disse ‘não’ ao Grêmio

Em busca de um centroavante para reforçar o elenco, o Grêmio mirou a contratação de Ramón Ábila. A diretoria do Boca Juniors, inclusive, via com bons olhos uma negociação a fim de equilibrar as finanças na temporada.

Inicialmente, o clube argentino projetava receber por US$ 5 milhões (R$ 28,1 milhões, pela cotação atual). No entanto, a diretoria tricolor descartou a possibilidade de iniciar conversas com um valor considerado fora da realidade econômica do clube.

Contudo, o presidente Romildo Bolzan Jr conversou com empresário do jogador, Adrián Ruocco, para entender os parâmetros financeiros a fim de efetuar uma oferta ao atacante. Porém, a oferta inicial estava muito abaixo do que Ramón Ábila desejaria receber no Grêmio.

No Boca Juniors, só para exemplificar, ‘Wanchope’ recebia US$ 70 mil (R$ 400 mil) por mês e mais incentivos por produtividade. O ‘pacote’ poderia ultrapassar a casa dos R$ 500 mil por causa dos gatilhos contratuais, segundo apurou o Torcedores.com.

Com passagem pelo Cruzeiro onde venceu a Copa do Brasil de 2017, o argentino foi sondado para defender o Atlético-MG no ano passado. Ele, inclusive, foi um dos pedidos do técnico Jorge Sampaoli. Após as partes não chegarem a um acordo, o Galo acertou com o chileno Eduardo Vargas.

LEIA MAIS:

Com Renan Lodi em baixa, Atlético de Madrid mira contratação de lateral do Benfica

Botafogo projeta economia de quase R$ 1 milhão com saída de Barrandeguy 

Raio-X: Éder Militão tem atuação gigantesca na vitória do Real Madrid sobre o Liverpool pela Champions League