Clube árabe possui interesse em Scarpa e Palmeiras estabelece condição para negociar o meia

Palmeiras não deve facilitar saída do atleta para o time do Oriente Médio

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

De acordo com o jornalista Jorge Nicola, Gustavo Scarpa, por meio do seu estafe, recebeu uma sondagem do Al-Jazira. Dessa forma, como o clube dos Emirados Árabes busca reforços para a próxima temporada, o meia do Palmeiras é um dos alvos da diretoria. Sem intenção de gastar um grande valor, a intenção seria trazer o jogador por empréstimo.

Como o Palmeiras não possui interesse no modelo de negócio, já que recusou outras ofertas nos mesmos moldes, um acordo de cessão é visto como improvável. Sendo assim, Scarpa só seria liberado de forma definitiva. Caso uma proposta de compra seja apresentada, o camisa 14, que tem vínculo até 2022 e ganha entre R$ 700 e R$ 800 mil por mês, pode ser negociado.

Recentemente, Scarpa marcou o gol da vitória do Palmeiras sobre o Santo André, pelo Paulistão. Apesar de não ser titular, o jogador vem sendo utilizado com frequência, e já balançou as redes em outras ocasiões importantes, como no jogo de ida da Recopa Sul-Americana. Por ser uma peça com bastante versatilidade, o Verdão, que vem enfrentando dificuldades na busca por reforços, não deve se desfazer de um atleta do setor ofensivo.

“Normalmente, ele se posiciona como meia direita. Hoje achamos por bem começar na esquerda. Isso faz com que ele esteja um pouco mais por dentro, tenha o pé mais forte um pouco mais lateralizado. Teve um desempenho muito bom, fez um bom gol. Ficamos felizes com o desempenho dele“, afirmou João Martins, auxiliar de Abel Ferreira.

LEIA MAIS