Manchester United deve ter diversas mudanças para encarar o Leicester; veja a provável escalação

O Manchester United deve ter novidades para o jogo contra o Leicester, válido pela 36ª rodada da Premier League. Confira o provável time que vai à campo

Diego Lucio Castro de Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Manchester United

A Premier League vai chegando em sua fase final! E nesta terça(11), Manchester United x Leicester City se enfrentam no estádio Old Trafford, em jogo da 36ª rodada da competição. A partida está prevista para as 14hs.

O técnico Ole Gunnar Solksjaer deve mudar bastante a equipe em relação à vitória contra o Aston Villa. Isso devido ao curto período de apenas 48 horas entre as duas partidas. Então, jogadores como, Wan-Bissaka, Maguirre, Shaw, Fred, Bruno Fernandes, Pogba e Rashford, devem dar lugar à Tuanzebe, Bailly, Alex Telles, Matic, Van de Beek, Mata e Cavani.

Apenas no caso de Maguirre, o motivo da preservação seria devido à lesão.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Provável escalação do Manchester United

Então, uma possível formação titular dos Red Devils tem: Henderson; Tuanzebe, Lindelof, Bailly e Alex Telles; Matic, McTominay e Van de Beek; Mata, Greenwood e Cavani.

E o Leicester?

Uma provável escalação do Leicester tem: Schmeichel; Amartey, Soyuncu e Fofana; Castagne, Ndidi, Tielemans e Thomas; Perez, Iheanacho e Vardy.

FICHA TÉCNICA:
Manchester United x Leicester
Data e horário: 09/05/2021, às 14hs(de Brasília)

Local: Estádio Old Trafford

O United inicia a partida na vice-liderança da Premier League com 70 pontos ganhos, e caso não vença, seu rival Manchester City que tem 80, conquistará o título da Premier League de maneira antecipada.

Tudo sobre o jogo entre Manchester United e Leicester, você confere aqui no Torcedores.com

Siga o Torcedores no Instagram e no Twitter

LEIA MAIS
10 contratações que parecem mentira, mas aconteceram

E se a moda pega? Árbitro sérvio é preso após marcar pênalti inexistente

São Paulo foi o único grande paulista a reduzir custos com futebol durante a pandemia