Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Santos registra Boletim de Ocorrência contra organizada Sangue Jovem

Santos, palco de diversos protestos recentemente, moveu um Boletim de Ocorrência contra a organizada Sangue Jovem após ameaçadas e vandalismo

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Reprodução

O Santos registrou na última segunda-feira (10) um Boletim de Ocorrência contra membros de torcida organizada, acusando-os de ameaças e agressões nos últimos dias.

A decisão foi tomada após torcedores apedrejarem o ônibus quando o Santos retornava para o CT logo após a vitória contra o São Bento por 2 a 0. Mesmo que o triunfo tenha evitado o rebaixamento para a Série A2 do Paulistão, cerca de quinze pessoas estiveram no local para recepcionar a equipe com protesto.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

Reprodução: Boletim de ocorrência movido pelo Santos

No documento lavrado na 2ª Delegacia de Polícia de Santos, o clube alega que a Torcida Organizada Sangue Jovem invadiu o CT para atacar o ônibus com coquetel molotov, pedras e foguetes. O Santos afirma que imagens de câmeras de segurança evidenciam isso.

Além desta ocorrência, o Santos também aproveitou para registar no mesmo BO o ataque sofrido no dia 30 de abril, quando 15 torcedores organizados invadiram o CT ao aproveitar uma brecha.

O presidente da organizada Sangue Jovem, Diego Saul Ramos da Silva, foi acusado pelo Santos de estar presente na invasão. O clube também alegou que os atos podem estar relacionados à insatisfações políticas na atual administração do clube.

Até o momento, a organizada não se manifestou após o registro da ocorrência. O Santos pretende evitar que novas ações acabem surgindo nos próximos dias.

LEIA MAIS