Conmebol abre processo contra Marcelo Moreno por suas críticas aos casos de Covid-19

Marcelo Moreno utilizou as redes sociais para se manifestar contra o torneio e terá que dar explicações à Confederação

Gabriel Neves
26 anos. Jornalista formado na Universidade Presbiteriana Mackenzie. Passagens por Footstats e Placar Uol. Participante do podcast ''As Quatro Forças''.

Crédito: Divulgação/Instagram

As declarações feitas por Marcelo Moreno nesta terça-feira (15/06) no Instagram renderam a abertura de um ‘’expediente disciplinar’’ por parte da Conmebol. O jogador fez duras críticas à entidade por realizar a Copa América durante à pandemia do coronavírus.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Obrigado a vocês da Conmebol por isso. A culpa é totalmente de vocês. Se morre uma pessoa, o que vocês vão fazer? O que importa é somente o dinheiro, a vida do jogador não vale nada?”, indagou o atacante do Cruzeiro, ao publicar notícia sobre os 52 casos de Covid-19 confirmados na Copa América.

Na terça-feira, o Ministério da Saúde brasileiro confirmou que haviam 33 casos casos confirmados de jogadores e membros de delegações, além de 19 prestadores de serviços contratados pela Conmebol que também estavam infectados.

A postagem de Marcelo Moreno causou incômodo na Conmebol, que resolveu abrir expediente disciplinar para ouvir o que o jogador tem a dizer. O atacante da seleção da Bolívia terá até quinta-feira para apresentar sua defesa. Caso seja enquadrado no Artigo 7 do Código Disciplinar da Copa América, Marcelo Moreno poderá sofrer advertência, multa ou até perder a premiação por uma eventual conquista do torneio.

Apesar de ninguém ter se manifestado oficialmente, o atacante pode ter sido um dos infectados pelo coronavírus. Marcelo Moreno foi desfalque da seleção boliviana na estreia, contra o Paraguai, segunda-feira, em Goiânia.

A entidade boliviana informou que houve três casos de infectados no elenco e um na comissão técnica. Nomes não foram revelados. Venezuela, Peru e Colômbia foram as outras seleções que tiveram casos confirmados.

LEIA MAIS:

Copa América 2021: Por que existe um ‘intervalo’ entre os próximos jogos?

Fred, do Manchester United, elogia Tite e avisa: “Se a Copa do Mundo fosse hoje, estaríamos preparados”