Internacional afunila procura por treinador e “preferido” perde espaço

Lisca perde força no comparativo com Aguirre e Marco Silva entre os dirigentes

Matheus D'Avila
Colaborador do Torcedores

Crédito: Ricardo Duarte / SC Internacional

As últimas reuniões da direção Internacional afunilaram a procura por um novo treinador. Primeiro, os dirigentes optaram pela manutenção do estilo de jogo nas conversas e nortearão as buscar a partir desse princípio. Ou seja, a meta é a procura por um profissional que pratique um futebol ofensivo, tão deseja no clube e prometido pelo presidente Alessandro Barcellos.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Dessa forma, a busca por nomes para preencher a lacuna deixada por Miguel Angel Ramírez se estabelece. Diego Aguirre e Marco Silva são os preferidos, deixando para trás Lisca. O que chama a atenção é que o atual treinador do América-MG despontava como o mais apoiado pelos torcedores, porém, não há um consenso interno sobre a escolha. Ainda assim, oficialmente, não há também nenhuma manifestação com indicativos sobre o futuro do comando técnico.

Treinadores estrangeiros no topo

Enquanto a direção não se manifesta sobre os alvos pretendidos, nas entrelinhas o perfil está claro. A tendência é que o novo treinador siga sendo um profissional de fora do Brasil. Até o momento, o favorito é o uruguaio Diego Aguirre. Apesar dos rumores de que um primeiro contato já foi estabelecido entre as partes, tudo é negado pelos dirigentes.

Já o técnico português Marcos Silva agrada pelo perfil. O estilo adotado pelo português nos seus trabalhos recentes condizem com o que é idealizado pelos colorados, mesmo que experiência não seja tão grande. Contudo, segundo o empresário do treinador, o objetivo é continuar no futebol europeu. Inclusive, o Fenerbahce-TUR está interessado no profissional.

Enquanto não há uma definição, Osmar Loss seguirá como interino. Nesta quarta-feira, quando o Inter encara o Atlético-MG, o auxiliar estará na beira do gramado. A ideia é a repetição do time que venceu o Bahia, trocando apenas o zagueiro Lucas Ribeiro, que está suspenso.

LEIA MAIS:

Inter analisa três nomes para o comando técnico do time

Ténico interino do Inter tem aproveitamento inferior ao de Ramírez