UEFA suspende jogador acusado de comemorar gol com ofensas na Eurocopa

A UEFA tomou medida séria contra jogador da seleção austríaca pela atitude

Rubens Melo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Youtube

A UEFA resolveu punir Arnautovic, atleta da seleção austríaca, por uma comemoração considerada pela entidade como ofensiva. O fato ocorreu durante a partida da Áustria contra a Macedônia, na rodada de abertura válida pelo grupo C da Eurocopa 2020.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

A princípio, o atacante de 32 anos que atua no Shanghai SIPG, da China, foi acusado de racismo na hora de celebração do seu gol. A UEFA, no entanto, não considerou a atitude de Arnautovic racista. Porém, alegou que ouve ofensas diretas ao lateral-direito Alioski, da Macedônia do Norte. Como punição pelo ato, o atleta foi condenado e está suspenso por uma partida.

O atleta precisou ser contido pelo companheiro de seleção e veterano Alaba durante a comemoração. Após o ocorrido, o atleta declarou que exagerou pela emoção do momento e pediu desculpas pelo ocorrido:

“Houve algumas palavras acaloradas ontem nas emoções do jogo pelas quais gostaria de pedir desculpas – especialmente aos meus amigos do Norte da Macedônia e da Albânia. Gostaria de dizer uma coisa muito claramente: não sou racista! Tenho amigos em quase todos os países e defendo a diversidade. Todo mundo que me conhece sabe disso.”

Com a suspensão, Arnautovic não poderá entrar em campo no duelo contra a Holanda, pela 2ª rodada da fase de grupos da Eurocopa. O atacante marcou o terceiro gol que sacramentou a vitória por 3 a 1 da Áustria sobre a Macedônia Norte.

VEJA TAMBÉM: 

Atacante brasileiro vai reforçar o Benfica de Jorge Jesus

Mercado da Bola: Zagueiro de 12 anos assina contrato o Flamengo

Mano Brown se revolta com possível reforço do Santos: ‘Tá tirando’