Após primeira vitória, Felipão fala da disputa entre Vanderson e Rafinha e elogia Alisson: “Todo técnico do mundo quer”

Confira os principais detalhes da coletiva de imprensa de Felipão depois da vitória do Grêmio sobre o Fluminense

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Enfim, a vitória. Após 9 jogos seguidos no Brasileirão sem vencer, o que gerou a incômoda lanterna, o Grêmio ganhou pela primeira vez na noite deste sábado por 1×0 sobre o Fluminense tendo Vanderson como titular e Rafinha na reserva. Em coletiva pós-jogo, o técnico Luiz Felipe Scolari, o Felipão, descartou ter algum jogador afirmado na titularidade e indicou que revezará entre os dois.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Eu não tenho titular, eu tenho jogos em que programo algumas situações e vou vendo o que pode acontecer nessa situações para ver o que posso fazer ou não. Tenho jogos que poderei usar três zagueiros. E já estou programando fazer mudanças no time lá contra o Vitória (pela Copa do Brasil)”, adiantou.

Um outro trecho de destaque da coletiva de Felipão após a primeira vitória foi o rasgado elogio à parte tática de Alisson, que sofreu o pênalti para o gol da vitória de Pinares. Segundo o treinador, todo técnico do mundo quer um jogador como Alisson:

“O Alisson é um jogador altamente tático. Anteriormente, quando eu assistia os jogos do Grêmio, eu via o Alisson fazendo exatamente o que o Renato pedia. O Alisson é extremamente tático, é um jogador que qualquer técnico no mundo quer”.

Momentaneamente, o tricolor é 18° no nacional com 6 pontos.

Confira a agenda do Grêmio de Felipão:

Próximo jogo: Grêmio x LDU, volta das oitavas da Sul-Americana, terça, 19h15, na Arena.

Próximo jogo pelo Brasileirão: Grêmio x América-MG, sábado, 17h, na Arena.

LEIA MAIS:

Grêmio anuncia a volta de Felipão, informa tempo de contrato e dirigente se empolga: “Vontade juvenil de trabalhar”

Méndez elogia reforço do Inter, fala de duelo com Diego Souza e diz que fez do último Gre-Nal “uma guerra”

Douglas Costa cita culpa maior dos jogadores por fase do Grêmio e fala de Felipão após derrota para o Palmeiras