Athletico é o clube que mais ganhou com venda de atleta em 2020; confira ranking

Santos era líder em 2019 e agora está fora do top-10 

Beatriz Paparazo
Jornalista formada pela Anhembi Morumbi em 2018 e Editora no Torcedores.com desde maio de 2019 Contato: beatriz.araujo@navve.com

Crédito: Divulgação - Brasileirão

Uma das principais rendas dos clubes brasileiros é a venda de jogadores. Segundo a análise Econômico-Financeira dos Clubes Brasileiros de Futebol, do Itaú, o Athletico foi a equipe que mais faturou com isso em 2020.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Em 2019, a renda ficou concentrada em duas equipes: Santos e Flamengo. No ano seguinte, seis clubes negociaram valores próximos: Athletico, Palmeiras, Flamengo, São Paulo, Corinthians e Grêmio.

Da liderança para a 18ª colocação, o Santos foi o clube que teve a maior queda, seguido por Cruzeiro e Atlético-MG, que também apresentaram reduções relevantes em 2020. 

Analisando o caminho inverso, Corinthians, Goiás, Botafogo e Vasco mostraram um crescimento comparando os dois últimos anos.

Confira o ranking de venda de atletas em 2020 

1º – Athletico –  152 milhões
2º – Palmeiras – 149
3º – Flamengo – 148
4º – São Paulo – 133
5º – Corinthians  – 126
6º – Grêmio –  120
7º – Internacional – 68 
8º – Fluminense – 47
9º – Goiás – 45
10º – Coritiba  – 43 
11º – Botafogo – 41
12º – Vasco – 34
13º – Atlético-MG – 28
14º – Vitória – 26
15º – Bahia – 22
16º – Cruzeiro – 21
17º – Avaí – 20
18º – Santos – 20
19º – Ceará – 18
20º – Fortaleza – 12

Confira o ranking em anos anteriores

1º – Santos
2º – Flamengo 
3º – Internacional 
4º – Cruzeiro
5º – Palmeiras
6º – Athletico
7º – São Paulo
8º – Fluminense
9º – Grêmio
10º – Atlético-MG

2018

1º – Palmeiras
2º – São Paulo
3º – Grêmio 
4º – Fluminense 
5º – Vasco
6º – Corinthians 
7º – Flamengo
8º – Atlético-MG
9º – Internacional 
10º – Cruzeiro 

2017

1º – São Paulo 
2º – Flamengo 
3º – Santos 
4º – Grêmio
5º – Corinthians 
6º – Vasco
7º – Fluminense 
8º – Cruzeiro
9º – Palmeiras
10º – Athletico

Entre os 10 primeiros é possível observar que cinco clubes aparecem nos últimos quatro anos: Flamengo, Fluminense, Grêmio, Palmeiras e São Paulo.

Levando em consideração os cinco times que aparecem na lista de forma frequente, o São Paulo foi o que mais dependeu da venda de atletas na composição geral da renda do clube (35%) e o Flamengo com o menor percentual (22%).

Leia mais:

Maior parte da receita dos clubes brasileiros em 2020 veio de Direitos de TV; confira o ranking
Com Flamengo no topo, confira ranking de equipes com maiores rendas no Brasil em 2020
Brasileirão: Você sabe quem são os artilheiros estrangeiros dos principais clubes da competição?
Brasileirão: Quem são os jogadores que usam a camisa 24 na competição?