Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Confira as cinco marcas que o Brasil já superou nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

Atletas do Brasil bateram recordes em algumas modalidades nestas Olimpíadas de Tóquio 2020

Mário André Monteiro
Jornalista com passagens por Portal iG, Fox Sports e Osasco Audax. Atualmente editor do Alemanha FC (http://www.alemanhafc.com.br). No Twitter: @alemao_mario e no Instagram: @marioalemao

Crédito: Jonne Roriz / COB

No quadro de medalhas, o Brasil ainda não está entre as principais potências esportivas do mundo. Por outro lado, o país conseguiu superar algumas marcas importantes nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Confira abaixo os recordes já superados nessas Olimpíadas dentro de cada modalidade:

1 – Tênis de mesa

Pela primeira vez na história, o tênis de mesa brasileiro classificou dois atletas às oitavas de final: Hugo Calderano e Gustavo Tsuboi.

E mais do que isso. Calderano se tornou o primeiro brasileiro a avançar às quartas de final da modalidade em toda história, mas acabou sendo eliminado.

2 – Tênis

Em Tóquio, pela primeira vez na história, o tênis brasileiro colocou uma dupla feminina nas semifinais. Laura Pigossi e Luisa Stefani são as responsáveis pela façanha.

3 – Tiro com arco

O carioca Marcus D’Almeida fez história ao se tornar o primeiro brasileiro a avançar às oitavas de final de uma Olimpíada no tiro com arco.

4 – Canoagem 

Ana Sátila conquistou uma vaga inédita ao Brasil na final da Canoagem Slalom, categoria C1. Na decisão, a brasileira de Iturama (MG) sofreu com penalizações e ficou na 10ª colocação. Mas fez história.

5 – Medalhista mais jovem

Com 13 anos, 7 meses e 22 dias de idade, Rayssa Leal se tornou a medalhista olímpica mais jovem de toda história do Brasil, superando Rosângela Santos, do atletismo, que liderava o ranking. A “Fadinha” levou a prata no skate street.

E MAIS

Boxeador imita Mike Tyson e tenta morder orelha de rival durante luta nas Olimpíadas; assista

Iraniano medalha de ouro no tiro esportivo é acusado de ser terrorista em seu país

Chinês fatura ouro no levantamento de peso usando uma técnica nunca vista antes