Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

NFL: Lamar Jackson é diagnosticado com COVID-19 e deve perder pelo menos 10 dias de treino

Anteriormente, o Quarterback dos Ravens se negou a dizer se foi vacinado durante a intertemporada. Gus Edwards também foi colocado na lista de COVID-19

Luís Martinelli
Jornalista, fã de esportes americanos (NFL, NHL, MLB e NBA), futebol australiano e de fantasy sports. Criador dos @BlogNEJ, @BrasilFooty e @ViciadoFSports

Crédito: Shawn Hubbard/Baltimore Ravens Photos

A COVID-19 começou a afetar a preparação para a temporada 2021 da NFL. De acordo com o treinador principal dos Ravens, John Harbaugh, o Quarterback Lamar Jackson não vai treinar nesta quarta-feira (28) por ter pego a doença. Além dele, o Baltimore Ravens também colocou o Running back Gus Edwards na lista de COVID-19 da equipe.

Segundo o protocolo da liga, Jackson e Edwards terão de ficar ausentes do Training Camp por 10 dias.

Porém, esta não é a primeira vez que Jackson é diagnosticado com a doença. Em 2020, o QB de 24 anos perdeu um jogo, pois testou positivo para COVID-19 durante o surto nos Ravens.

Anteriormente, Jackson não quis responder se foi vacinado. Durante uma coletiva de imprensa realizada em 16 de junho, ao ser questionado se havia sido vacinado, ele desconversou.

Enquanto o Jogador Mais Valioso (MVP) de 2019 está fora, Trace McSorley e Tyler Huntley serão os substitutos. Curiosamente, eles também entraram em campo quando Jackson esteve ausente na temporada passada.

Lamar Jackson teve 2.757 jardas passadas, 26 touchdowns e nove interceptações em 15 jogos na temporada 2020. Por fim, correndo com a bola, Jackson avançou 1.005 jardas e anotou sete touchdowns terrestres.

LEIA MAIS

Ravens impedem que a mídia filme os passes de Lamar Jackson nos treinos

NFL estabelece punições em caso de surtos de COVID-19 nos times