Cabe no seu time? Lucas Pratto negocia rescisão com River Plate e quer voltar a jogar no Brasil

No Brasil, Lucas Pratto já atuou por Atlético-MG e São Paulo entre 2015 e 2017, até se transferir para a equipe de Marcelo Gallardo, onde conquistou a Libertadores de 2018

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Reprodução/ESPN

Depois de um curto período de empréstimo sem sucesso ao Feyenoord, da Holanda, o atacante Lucas Pratto voltou ao River Plate, mas não seve ser reintegrado ao elenco comandado por Marcello Gallardo. Segundo apuração do Torcedores.com, o jogador de 33 anos negocia há algumas semanas uma rescisão amigável com o Millonarios, onde tem contrato até junho de 2022.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

De acordo com o ‘TyC Sports’, da Argentina, Lucas Pratto já começa a planejar seu futuro longe do River Plate e tem como prioridade voltar ao futebol brasileiro, onde já acumula passagens por Atlético-MG, entre 2015 e 2017, e São Paulo, onde jogou em 2017. Liberado para procurar um novo clube, o atacante é alvo do Vélez Sarsfield, clube onde se destacou antes de chamar atenção de equipes brasileiras, e do Gimnasia de La Plata.

Um dos heróis do River Plate na conquista da Libertadores diante do rival Boca Juniors, em 2018, o atacante também ficou marcado por falhar na decisão da competição na temporada seguinte, quando o clube argentino vencia o Flamengo até a entrada do jogador. Pratto acabou perdendo a bola no setor ofensivo e o lance acabou originando o gol de empate da equipe então comandada por Jorge Jesus – minutos depois o rubro-negro carioca ainda virou o placar e ficou com a taça.

Questionado recentemente sobre o futuro de Lucas Pratto, o técnico Marcelo Gallardo despistou. “É um jogador que se recupera de uma lesão e todos querem que ele se recupere bem, porque é um grande menino. Ele contribuiu enormemente para nós e enquanto esteve bem e foi fundamental, mas a dinâmica do futebol tem isso.”

“Considero que quando o jogador não quer mais estar aqui, não é uma decisão do treinador, é do jogador. São decisões pessoais e cada uma tem as suas razões. Podemos concordar nisso ou não, mas sempre em bons termos. O Pratto é um jogador do River e espero que se recupere bem. Quando isso acontecer, ele e o clube vão decidir o que fazer. Já disse a ele o que acho. O futebol é dinâmico”, completou o treinador.

LEIA MAIS:
Giuliano no Corinthians gera ira de colorados e provocações dos rivais nas redes sociais
Como pode ficar a escalação do Corinthians com as contratações de Giuliano e Renato Augusto

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes