Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Mozart Santos entrega o cargo e não é mais técnico do Cruzeiro; Luxemburgo é o favorito

Vanderlei Luxemburgo teve passagem vitoriosa pelo clube mineiro em 2003

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ Grêmio

Antes de mais nada chegou ao fim a passagem de Mozart Santos no Cruzeiro. O treinador pediu demissão após ficar oito jogos sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. Ele entregou o cargo poucas horas depois de o time empatar em 2 a 2 com o Londrina, no Mineirão, em Belo Horizonte.

Foi a segunda queda de um técnico nesta temporada no Cruzeiro. Mozart Santos esteve à frente da Raposa durante 10 jogos na Série B do Brasileirão. Nesse ínterim, foram três derrotas, cinco empates e uma vitória. O único triunfo foi diante do Vasco, 2 a 1, na 6ª rodada da competição.

Além dele, o auxiliar Denis Iwamura, que trabalhou com Mozart Santos no Coritiba, CSA e Chapecoense, também foi desligado do clube. A princípio, o Juliano Belletti (auxiliar), Ronaldo Torres (preparador físico) e André Croda (preparador de goleiros) seguem no Cruzeiro.

O Cruzeiro ocupa a 16ª colocação na competição com 13 pontos, um acima do Vitória, o primeiro time dentro da zona de rebaixamento. Na próxima rodada, a Raposa enfrenta o Brusque em Santa Catarina, sábado às 11 horas (de Brasília).

Cruzeiro quer Luxemburgo

Após oficializar a saída de Mozart Santos, o diretor executivo de futebol Rodrigo Pastana iniciou contatos para contratar Vanderlei Luxemburgo. Segundo apurou o Torcedores.com, ele é o favorito para assumir o comando técnico da Raposa.

O treinador está desempregado desde que deixou o comando do Vasco. De lá para cá, teve o nome especulado no Botafogo, Cuiabá e Goiás. No entanto, o treinador diz não ter sido procurado por nenhum dos clubes.

Vanderlei Luxemburgo teve duas passagens pelo Cruzeiro. Entre 2002 e 2004, o treinador venceu o Campeonato Brasileiro, a Copa do Brasil e o Campeonato Mineiro. Em 2015, teve breve passagem pelo clube onde ficou apenas dois meses à frente do clube mineiro.

LEIA MAIS: 

Reserva do Fortaleza, atacante é oferecido ao Vasco por intermediários 

Botafogo e Rafael Navarro avançam nas negociações e atacante deve renovar até 2023 

Grêmio tem acerto verbal com Pedro Rocha e tenta composição com Spartak por liberação