Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Renato Gaúcho provoca o São Paulo após fim de jejum e cita conquistas do Flamengo

Técnico do Flamengo revelou o que disse aos jogadores antes de goleada que encerrou a seca de vitórias contra o São Paulo

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.Twitter: @rafaelbrayan_

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

O treinador Renato Gaúcho provocou o São Paulo após a vitória do Flamengo por 5 a 1 em jogo válido pelo Brasileiro neste domingo (25). O resultado encerrou uma sequência de domínio do Tricolor Paulista nos confrontos.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

Leia mais:

Torcida do Flamengo se anima com publicação de Willian, do Arsenal; veja imagem

Goleiro na mira, jogador de saída e Arrascaeta: veja as notícias do Flamengo


Em entrevista coletiva, o comandante do Flamengo destacou preleção no vestiário rubro-negro antes da vitória no estádio do Maracanã e provocou o rival. “Um dos assuntos que eu falei na preleção era que tínhamos que esquecer isso”, disse.

“O Flamengo não vencia o São Paulo há tantos anos… Flamengo não vinha vencendo o São Paulo, mas vem curtindo voltas olímpicas, que é o mais importante no futebol. Falei para a gente respeitar o adversário e jogar futebol porque as coisas acontecem normalmente. Qualidade a gente tem e foi o que aconteceu”, comentou Renato Gaúcho.

“Respeitamos o São Paulo, mas buscamos a vitória o tempo todo. No final da partida acho que merecemos pelo o que a gente jogou e apresentou, até porque a gente não estava enfrentando qualquer equipe”, continuou.

“Muita gente vai olhar a tabela e ver o São Paulo lá embaixo, mas que tem um grande elenco e um treinador que faz um belíssimo trabalho e falei isso pra ele. Torço muito pra que ele se dê bem. O Flamengo não enfrentou qualquer equipe, não à toa que não havia vencido há tanto tempo”, completou o treinador.