São Paulo segue sem vencer o Racing e vai para a Argentina precisando quebrar tabus

Tricolor enfrentou o adversário argentino oito vezes em sua história e perdeu cinco vezes; na Libertadores, não vence na Argentina desde 2005

Lucas Ayres
Colaborador do Torcedores

O empate desta terça-feira (13) entre São Paulo e Racing, por 1 a 1, em partida válida pelas oitavas de final da Copa Libertadores 2021, significou mais do que um desafio ao clube paulista na continuidade da competição. O Tricolor, afinal, segue com um incômodo tabu: nunca venceu o adversário argentino em sua história.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

A equipe do Morumbi enfrentou a de Avellaneda oito vezes, contando com a mais recente partida. Foram cinco derrotas e três empates. Três desses confrontos foram disputados somente em 2021, e curiosamente foram as primeiras partidas oficiais entre os times — as demais se deram em amistosos.

São Paulo tem outro tabu na volta contra o Racing

Não bastasse o tabu histórico, o São Paulo luta contra outra marca expressiva na partida de volta contra o Racing. Precisando de uma vitória simples ou de um empate de pelo menos 2 a 2 para se classificar de maneira direta para as quartas de final, o time encara uma “seca” no país vizinho.

O Tricolor não vence na Argentina pela Libertadores há 16 anos. A última vez que saiu vitorioso por lá na competição continental foi justamente na campanha do título de 2005. A ocasião foi a volta da semifinal contra o River Plate, vencida pelos paulistas por 3 a 2. A segunda opção, portanto, parece mais viável, historicamente falando.

As partidas entre São Paulo e Racing na história

  • 1953: SP 0 x 2 Racing (Amistoso)
  • 1961: SP 3 x 4 Racing (Amistoso)
  • 1961: Racing 2 x 2 SP (Amistoso)
  • 1964: SP 2 x 3 Racing (Amistoso)
  • 1967: Racing 4 x 1 SP (Amistoso)
  • 2021: Racing 0 x 0 SP (Libertadores/Fase de Grupos)
  • 2021: SP 0 x 1 Racing (Libertadores/Fase de Grupos)
  • 2021: SP 1 x 1 Racing (Libertadores/Oitavas de final)

LEIA MAIS

Voando! Rigoni participou de 70% dos gols do São Paulo no Brasileirão

Acordo com zagueiro, Calleri, escalação e mais: as notícias do São Paulo

Que dupla! Nenê e Caio Paulista participaram de mais da metade dos gols do Fluminense na Libertadores