Clima tenso: Torcedores do Cruzeiro invadem Toca da Raposa II para cobrar jogadores e diretoria; vídeo

Raposa tem atrasado salário e convivido com cortes de água e luz por conta de crise financeira

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter (@cidovieira90)

Crédito: Reprodução - Redes Sociais

O clima esquentou nas dependências da Toca da Raposa II nesta tarde de domingo (18), em Belo Horizonte. Revoltados com a péssima fase do Cruzeiro, torcedores integrantes da organizada Máfia Azul invadiram as dependências do centro de treinamento para cobrar uma resposta da diretoria e dos jogadores após o revés expressivo sofrido diante do Avaí, no último sábado, no Mineirão, pela 12ª rodada da Série B.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Para adentrar na Toca, os torcedores da Raposa arrombaram e derrubaram o portão dos fundos do local e partiram em direção ao interior do CT, onde atletas faziam um trabalho regenerativo. Aglomerados, os cruzeirenses tentaram uma conversa com os atletas e houve tumulto.

Diante do ocorrido, um helicóptero da Polícia Militar chegou a sobrevoar a região da Toca da Raposa. A diretoria do Cruzeiro informou que não se pronunciará sobre a invasão.

CRISE SEM FIM

Dono de uma vasta tradição no futebol brasileiro, conquistando títulos emblemáticos, o Cruzeiro vive a sua pior crise dentro e fora das quatro linhas em sua história. Flertando com o rebaixamento para a Série C e mergulhado em dívidas de quase R$ 1 bilhão, a Raposa não vence na segundona há seis jogos (quatro derrotas e dois empates), figurando na 16ª posição, com 11 pontos somados em 36 já disputados.

O próximo compromisso do time celeste está agendado para esta terça-feira (20), às 19h, diante do Remo, no Baenão, em Belém.

LEIA MAIS:

Após negativas de Dorival, Lisca e Luxemburgo, ex-técnico do Cruzeiro vira opção para comandar o Botafogo

Cruzeiro: Presidente é alvo de pedido de impeachment por ‘atos irracionais’; dirigente responde