Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Giuliano rejeita rótulo de ‘salvador da pátria’: “futebol é coletivo”

Provável reforço do Corinthians para o clássico contra o Santos, meia aposta na melhora do clube com Sylvinho

Flavio Souza
Desde 2006 escrevo sobre esportes em geral e participo do site Torcedores.com desde dezembro de 2018, onde exerço função de Colaborador Sênior.Atualmente meu foco é no futebol brasileiro e internacional, mas procuro falar sobre outras modalidades, como esportes olímpicos, por exemplo.Procuro trazer informações relevantes sobre os clubes fora de campo, como entrevistas, análises financeiras, desempenho das equipes em redes sociais e análises táticas.

Crédito: Reprodução / Corinthians TV

Com o Corinthians ocupando a 11ª posição do Brasileirão e com desempenho ruim em casa, a torcida tem expectativa que Giuliano e Renato Augusto, primeiros reforços do clube para 2021, possam melhorar a qualidade do time.

Mercado em CASA

Clique aqui para ter 50% off!

Em sua primeira entrevista coletiva como atleta do clube, Giuliano deixou claro que pode ajudar a melhorar o time, mas rejeita que ele e  Renato sejam os “salvadores da pátria”.

“Chegamos para ajudar, eu tenho certeza. Mas não existe salvador da pátria. O futebol é um jogo coletivo, você depende dos seus companheiros. A melhor equipe normalmente vence. Com bons jogadores individualmente falando eles podem decidir partidas, mas para vencer competições você precisa de um grupo. Esse é o pensamento que tenho agora.”

Trabalho com Sylvinho no Corinthians

Giuliano já trabalho com o atual técnico do clube na seleção brasileira. E o meia mostra confiança no seu treinador, deixando claro que sua estreia e posição vai depender da escolha do atual comandante do Timão.

“Sobre o Sylvinho, já trabalhei com ele na seleção. Seja por cinco, 10 minutos ou o jogo todo. Eu gostaria de estar no jogo, mas é uma decisão dele. Sou um jogador versátil. Já atuei na minha carreira em várias posições. Já joguei de extremo pelo lado direito, pelo lado esquerdo, fazendo o quinto homem no meio, já joguei de 10, já joguei de falso 9, segundo volante, primeiro volante. Essas funções para frente eu consigo fazer bem, porque tenho a característica de entrar na área, de voltar, fazer recomposição.

Então será uma questão de escolha do Sylvinho. Mas independente da função, estarei apto a fazer um bom desempenho e ajudar meus companheiros.”

Numeração do Corinthians

Giuliano irá utilizar a camisa de número 11 em sua passagem pelo clube. Apesar de relembrar que já atuou com outros números, o meia afirma que escolheu a numeração.

“Eu não tenho problema com numeração. Me deram a opção da 10 e a 11 e eu escolhi a 11. Foi uma escolha minha.”

LEIA MAIS:

Mercado da Bola: Atacante frustra Corinthians e fecha com clube do exterior

Reforço do Corinthians, Giuliano elogia diretoria: “clube está melhor organizado do que vocês imaginam”

As melhores notícias de esportes, direto para você