Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Willian, Renato Augusto, Giuliano e Róger Guedes: veja quanto ficou a folha salarial do Corinthians com os reforços

Corinthians chegou a reduzir os gastos com salários durante o primeiro semestre do ano dispensando e negociado atletas que estavam fora dos planos

Danielle Barbosa
Jornalista. Escrevendo para o Torcedores desde 2014.

O Corinthians contratou quatro reforços na janela de agosto: Giuliano, Renato Augusto, Róger Guedes e Willian, além de ter negociações bem avançadas para anunciar o jovem lateral João Pedro. Apesar de não ter investido em taxa de transferência, já que os jogadores estavam sem contrato quando foram anunciados, a diretoria Alvinegra precisou abrir os cobres para bancar os salários dos recém-contratados. Segundo o jornalista Jorge Nicola, depois de iniciar o ano com uma folha salarial na casa dos R$ 14 milhões por mês, e reduzir consideravelmente esse montante com as saídas de atletas que não faziam parte dos planos, o clube voltou a ter um aumentou importante.

Com mais de 15 jogadores dispensados e negociados, o Corinthians conseguiu reduzir a folha salarial de R$ 14 milhões para R$ 10 milhões, mas com os reforços, o valor voltou a subir: Willian (R$ 1,5 milhão por mês), Giuliano (R$ 1 milhão por mês), Róger Guedes (R$ 1 milhão), Renato Augusto (R$ 800 mil por mês), João Pedro (R$ 200 mil por mês). Somando esses valores, os reforços vão acrescentar cerca de R$ 4,5 milhões na folha corintiana.

“Você vai ler ou ouvir que o Corinthians garante que não paga mais de R$ 800 mil mensais para esses jogadores, mas isso é mentira. Essa é a forma que o Corinthians encontrou pra evitar uma ‘ciumeira’ dentro do elenco, até porque o teto salarial do Corinthians hoje é R$ 800 mil mensais. Mas, além dos R$ 800 mil em salário, alguns atletas vão ter direitos a outras compensações, como luvas. Se a gente somar todos valores dos novos contratados, a gente chega ao valor de R$ 4,5 milhões de acréscimo na folha. Ou seja, aquela folha já voltou para o mesmo patamar de janeiro”, explicou o jornalista.

Em entrevista ao programa “Arena SBT”, no mesmo dia que o Corinthians anunciou o retorno de Willian, o diretor de futebol do clube, Roberto de Andrade, explicou como foi a movimentação nos bastidores para viabilizar as contratações que foram anunciadas.

“Só para ciência de todo mundo, o Corinthians até o dia de hoje tirou 23 jogadores do seu elenco, isso com empréstimos e vendas. Baixamos a folha em mais de 5 milhões foi com isso que abriu esse espaço na folha para que esse jogador viesse, Corinthians não está fazendo nenhuma loucura”, disse o dirigente, rebatendo os críticos.

Leia também:
Como joga Kenedy, o mais novo reforço do Flamengo?
Corinthians encaminha contratação de ex-jogador do Palmeiras
Jogador do Corinthians revela ameaças de morte no ex-clube
Destaque no Corinthians, Gustavo Mosquito revela para qual clube torcia na infância
Com Flamengo de olho, Jorge Jesus responde sobre possível chegada de David Luiz ao Benfica
David Luiz, Lyanco, Robson Bambu e Ely: tudo sobre a busca do Flamengo por um zagueiro
David Luiz, Willian, Vanderson, Arana: veja quem ainda pode chegar e sair do Brasileirão no fim da janela

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes