Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Flamengo domina Juventude e vence com mais um show no Brasileirão

Flamengo confirmou favoritismo e deu mais um show no Maracanã para decidir tudo no primeiro tempo diante do Juventude; Andreas Pereira marcou gol de falta

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Alexandre Vidal / Flamengo

As melhores notícias de esportes, direto para você

 
Flamengo Flamengo 3-1 Juventude Juventude
Brasileirão 2021 - 26ª Rodada

Em mais uma grande atuação e com gol de falta, o Flamengo confirmou o favoritismo nesta quarta-feira (13) e venceu o Juventude por 3 a 1 no Maracanã.

Kenedy e Pedro foram os responsáveis pelos primeiros dois gols no primeiro tempo, mas Andreas Pereira foi o nome do jogo ao marcar gol de falta espetacular antes do intervalo.

O Juventude tentou reagir no segundo tempo  e até marcou com William Matheus, mas faltou fôlego e o Flamengo confirmou a vitória, tento inclusive duas chances de ampliar com duas bolas na trave de Andreas Pereira.

Primeiro tempo

O Flamengo já começou aplicando pressão em cima do adversário desde o apito inicial. Andreas Pereira tabelou com Kenedy na grande área e Douglas precisou trabalhar com 28 segundos.

Girando a bola no campo de ataque, o rubro-negro controlou as ações no primeiro tempo. O sistema defensivo do Juventude conseguiu se salvar dentro da grande área no início, mas depois foi impossível segurar o Flamengo.

Aos 9′, Matheuzinho fez grande jogada individual e chegou na grande área para limpar a marcação e bater firme, mas a bola acabou parando na trave.

Na sequência, o Mengão abriu o placar. Kenedy arrancou pela direita e tabelou com Pedro. Recebendo um passe de letra, Kenedy tirou dos defensores e concluiu numa jogadaça no Maracanã.

Em rara oportunidade, o Juventude teve falta na intermediária do ataque aos 19′. Guilherme Castilho jogou na área, mas Vitor Mendes mandou longe na cabeçada.

Aos 25′, um susto. Rodrigo Caio errou na saída de bola e Ricardo Bueno tomou no campo de ataque para avançar pelo meio e arriscar, mas Diego Alves defendeu tranquilamente.

O lance acabou originando contra-ataque fatal do Flamengo. Filipe Luís começou a jogada e Michael ganhou de Pedro Henrique e cruzou rasteiro pela esquerda onde Pedro surgiu livre e ampliou o placar aos 25”.

Com intensidade a aproximação, o Flamengo não deixava o Juventude trocar mais do que três passes no campo de ataque. E quando teve uma nova oportunidade, conseguiu uma goleada ainda no primeiro tempo.

Aos 34′ do primeiro tempo, um gol histórico. Distante da área e pelo lado direito, Andreas Pereira marcou um golaço e acertou o ângulo. Assim, o Flamengo voltava a marcar gols de falta após 1221 dias.

Antes do intervalo, o Juventude conseguiu assustar em cobrança de escanteio. Guilherme Castilho jogou na área e Vitor Mendes desviou a bola que passou muito perto do gol.

 

Segundo tempo

Com menos intensidade, o Flamengo começou trocando passes no campo de defesa para evitar maior desgaste e controlar o restante do jogo que passou a ficar concentrado no meio-campo.

Aos 5′, o Juventude resolveu arriscar de longe assustou. Paulinho Boia encontrou espaço na entrada da área e Diego Alves foi exigido para espalmar a bola em grande defesa.

Tentando sair mais para o campo de ataque, o Juventude conseguiu diminuir o prejuízo. Aos 11′, Chico cobrou escanteio pela esquerda e William Matheus subiu mais que a zaga do Flamengo para marcar o primeiro dos visitantes.

Aos 25′, Capixaba também arriscou de longe e assustou Diego Alves em bola que passou muito perto do gol, aproveitando o melhor momento do Juventude no segundo tempo.

No entanto, o jogo acabou perdendo intensidade e o Juventude não conseguiu mais ameaçar até o apito final. O Flamengo ainda teve chances de ampliar aos 35′ com Andreas Pereira chutando em cima da marcação e a bola resvalando na trave.

Melhor em campo nesta ampla vitória, Andreas Pereira cobrou outra falta no final do jogo e acertou novamente a trave, recebendo os elogios da torcida do Flamengo.

 

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 3-1 CHAPECOENSE

Data: 13/10/2021, 19:00
Estádio: Maracanã
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro

Gols: 1T 12′ Kenedy (Flamengo); 1T 26′ Pedro (Flamengo); 1T 35′ Andreas Pereira (Flamengo); 2T 12′ William Matheus (Chapecoense)

Substituições – Flamengo: Rodinei (Kenedy); Vitor Gabriel (Pedro); Lázaro (Thiago Maia); Renê (F.Luís); Bruno Viana (A.Pereira)

Substituições – Juventude: Sorriso (R.Bueno); Chico (Wagner); Capixaba (Castilho); Guilherme Santos (W.Matheus); Didi (R.Forster)

Flamengo (4-2-3-1): Diego Alves; Matheuzinho, Rodrigo Caio, Léo Pereira, Filipe Luís; Willian Arão, Thiago Maia; Kenedy, Andreas Pereira, Michael; Pedro. Técnico: Renato Gaúcho

Juventude (3-4-1-2): Douglas Friedrich; Juan QUintero, Vitor Mendes, Rafael Foster; Paulo Henrique, Guilherme Castilho, Ricardinho, William Matheus; Wagner; Paulinho Boia, Ricardo Bueno. Técnico: Marquinhos Santos

 

 

LEIA TAMBÉM

Volta Rogério Ceni? Relembre os números do treinador no comando do São Paulo

Mercado da Bola: veja quem saiu e quem chegou ao São Paulo entre 2020 e 2021

Por onde andam os artilheiros das últimas dez edições do Brasileirão

“Daria trabalho” Rivaldo diz que brigaria pelo prêmio de melhor do mundo, atualmente

Recusa de Roger Machado, Barbieri, salário de Felipão e mais: as notícias do Grêmio de hoje (13)