Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Lewis Hamilton na cadeia? Entenda a lei que o piloto da F1 está infringindo e que pode levá-lo à prisão

Piloto da Fórmula 1, Lewis Hamilton pode ser denunciado na Grã-Bretanha por associação de proteção aos animais

Mário André Monteiro
Jornalista com passagens por Portal iG, Fox Sports e Osasco Audax. Atualmente editor do Alemanha FC (http://www.alemanhafc.com.br). No Twitter: @alemao_mario e no Instagram: @marioalemao

Crédito: Arquivo pessoal / Instagram

Além da temporada de 2021 abaixo do esperado na Fórmula 1, onde ocupa a segunda posição da classificação atrás de Max Verstappen, o piloto inglês Lewis Hamilton pode enfrentar um outro problema fora das pistas. E um problema, de certa forma, grave.

Hamilton é um dos atletas veganos mais famosos e engajados do mundo esportivo. Além disso, ele se destaca por ser defensor dos direitos animais. E é justamente em cima disso que o piloto da Mercedes pode começar a ter algumas dores de cabeça.

No ano passado, Lewis anunciou que havia mudado radicalmente a dieta de seu cachorro de estimação, o buldogue inglês Roscoe, também para o veganismo – a rotina do pet é mostrada em um perfil próprio do Instagram. Essa decisão, no entanto, pode ter consequências graves.

A associação britânica “The Blue Cross”, que defende os direitos dos animais, explicou nesta semana que essa atitude de Lewis Hamilton viola a Lei de Bem-Estar Animal, em vigor na Grã-Bretanha desde 2006. A legislação estabelece que os animais de estimação devem receber uma “alimentação adequada” e, no caso dos cães, a carne não pode faltar.

A presidente da Associação Veterinária Britânica, Daniella Dos Santos, já havia alertado sobre essa situação no ano passado.

“Se a sua crença pessoal significa que você não quer comer nenhuma proteína animal, tudo bem, mas essa dieta não foi projetada para atender aos padrões de bem-estar do seu animal de estimação”, disse em declarações publicadas pelo “Daily Mail”.

Daniella avisou ainda que não é impossível alimentar um cão apenas com frutas, verduras e legumes, mas que isso deve ser feito sob um rigoroso controle. “Teria que fazer isso sob a supervisão de uma nutricionista com formação em medicina veterinária”.

Chance de ir para cadeia existe

Ainda de acordo com o “Daily Mail”, as pessoas que infringirem essa lei podem enfrentar penalidades que variam de multa de 20 mil libras (R$ 156 mil na cotação atual) a 51 semanas de prisão, dependendo da situação. As punições também incluem ter o animal confiscado.

Caso seja denunciado, a batalha judicial estará apenas começando e Hamilton deverá responder o processo nos próximos meses.

Lewis Hamilton revelou que essa mudança na dieta foi fundamental para a melhoria da saúde de Roscoe: “Sua pele está muito mais lisa, suas pernas inchadas sararam, ele não sofre de artrite e sua respiração melhorou. Estou super feliz com os resultados e ele também”, disse o piloto nas redes sociais.

Muitos seguidores demonstraram preocupação com o animal, observando que um cão não deve comer apenas alimentos à base de plantas. Os caninos têm todas as características que definem um animal carnívoro, tanto nos dentes como no aparelho digestivo.

LEIA TAMBÉM

Clubismo na TV? Disney define narrador de Palmeiras x Flamengo e recebe críticas

Atlético-MG: Hulk abre o jogo e diz jogaria por outro clube no Brasil

Com Rogério Ceni, São Paulo pode ter novo goleiro como alvo para 2022

Flamengo dá mais ibope em SP do que paulistas na Libertadores no SBT