Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Fórmula 1: Bottas abre o jogo e fala da decepção com a equipe Mercedes F1: “Tudo ficou mais difícil”

Bottas revela decepção com equipe Mercedes F1 na Fórmula 1

Alexander Rodrigues
Redator no @AlemanhaFC, @Torcedorescom, ADM da página @futebolcomamor e torcedor do Feyenoord.

Crédito: Divulgação - Fórmula 1

O piloto da Mercedes F1 Valtteri Bottas foi bem franco em entrevista ao Beyond The Grid, podcast oficial da Fórmula 1, quando perguntado sobre a ordem da equipe alemã para que o finlandês deixasse Lewis Hamilton ultrapassá-lo no GP da Rússia de 2018. Segundo Bottas, aquele foi um um momento crucial para que ele entendesse a sua posição na equipe de Toto Wolff.

“Sim, foi difícil, obviamente tomei uma decisão, embora foi rangendo os meus dentes. Realmente, não parecia natural e não estava certo porque eu sou piloto, mas eu fiz pela equipe. Tudo ficou mais complicado depois disso pelo resto da temporada porque eu percebi que o meu papel era só ajudar, e eu não consegui digerir isso.” – afirmou Bottas, que chegou na equipe Mercedes F1 em 2017 e será piloto Alfa Romeo a partir da temporada de 2022.

Para Bottas decisão da Mercedes F1 mexeu com o seu psicológico no resto da temporada 2018 da Fórmula 1

“Eu acho que não tive a mentalidade correta para o resto do ano.” – declarou Bottas que também respondeu a pergunta se sentia que era tratado de forma igual a Hamilton dentro da Mercedes F1.

“Eu acho que sim, honestamente acho que sim, o fato é que houve algumas temporadas em que eu comecei muito forte, então houve alguns momentos de azar ou talvez eu tive uma ou duas corridas ruins e o Lewis sempre manteve o desempenho de uma forma muito consistente o tempo todo, então… uma vez que existe uma diferença de pontos, obviamente o foco começa a mudar para o carro que mais provavelmente vai vencer o campeonato.” – disse Bottas, que falou sobre a maior diferença entre ele e Hamilton.

Bottas acredita que consistência de Hamilton os diferenciam na Fórmula 1

“Eu diria que a maior diferença entre o Lewis e eu é que nos últimos anos ele sempre conseguiu desempenhos em alto nível. Ele raramente teve fins de semanas ruins. Ele obviamente teve alguns, mas menos do que eu e é impressionante como ele sempre consegue chegar lá, não importa quais condições, qual pista, qual situação de vida que seja. Uma vez que ele entra no carro ele entrega os resultados.” – finalizou Bottas.

Leia também

Fórmula 1: Alonso dá opinião polêmica sobre Hamilton: “Isso o afasta de todos”

Fórmula 1: Brawn surpreende ao falar sobre incidente entre Verstappen e Hamilton em SP

F1: Ex-campeão diz que Verstappen está perdendo batalha psicológica para Hamilton

F1: Max Verstappen crê em decadência da Mercedes F1: “Aos poucos voltará ao normal”

Cuiabá anuncia a prisão de três torcedores no estádio durante jogo contra Inter por motivo inusitado

Palmeiras x Flamengo: Qual o melhor elenco da final da Libertadores?

Vasco conversa com comentarista do Grupo Globo, mas avalia outros nomes para cargo de coordenador de futebol

Organizada do Palmeiras critica escolhas de Abel contra o São Paulo e ironiza “única coisa boa do jogo”