Torcedores – Notícias Esportivas

Comentarista da ESPN, Zach Lowe afirma que Russell Westbrook não é mais um astro da NBA: “Erros geram contra-ataques e nunca recompõe a defesa”

Na visão do profissional, Russell Westbrook “não é mais um superastro da NBA”, gera erros e “nunca recompõe a defesa” da própria equipe

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Divulgação

Russell Westbrook é um dos atletas que mais dividem opiniões na National Basketball Association (NBA). Para muitos, o armador, atualmente no Los Angeles Lakers, é muito técnico e habilidoso, com números incríveis. Para outros, é um atleta que arremessa muito e não é coletivo. Zach Lowe, comentarista da Entertainment and Sports Programming Network (ESPN), polemizou. No The Lowe Post Show, podcast apresentado por ele, o profissional disparou contra o jogador.

Na visão de Lowe, o atleta é bastante superestimado. “Eu acho que chegou o momento de admitir a realidade. Russell Westbrook, certamente, já não é um superastro nessa liga. E, aliás, não importa qual seja a sua definição para isso. A minha interpretação, por exemplo, é um jogador que pode estar em um dos quintetos ideais da temporada normalmente. Pois ele simplesmente não está mais nesse nível”, disparou.

Ao falar sobre os números negativos que Russell Westbrook tem, Lowe também jogou luz para outros problemas pouco falados pelos erros do atleta. “As pessoas prestam atenção em seus turnovers porque ele é o segundo que mais os comete na liga. Está apenas atrás de James Harden, salvo engano. Mas o problema é muito maior do que só isso. Sua seleção de arremessos e erros em bandejas causam, em suma, impacto de desperdícios de bola porque sempre geram contra-ataques e ele nunca recompõe a defesa”, finalizou o comentarista.

Histórico

Na National Collegiate Athletic Association (NCAA), Russell Westbrook jogou no UCLA Bruins. Selecionado no Draft NBA 2008 pelo Seattle SuperSonics, ele estreou na liga no Oklahoma City Thunder. Em 2019, foi para o Houston Rockets. Um ano depois, foi para o Washington Wizards. E, em 2021, chegou ao Los Angeles Lakers.

LEIA MAIS
Equipe da NBA vê novo filme da saga Star Wars em shopping que era alvo de tiroteio
Terra plana: conheça as estrelas da NBA que acreditam na teoria
Craque do Golden State Warriors faz cirurgia e volta à NBA apenas em 2020, afirma empresário do jogador