Home DESTAQUE Audax Italiano vence de virada e complica a vida do Santos na Sul-Americana

Audax Italiano vence de virada e complica a vida do Santos na Sul-Americana

Peixe manteve uma postura mais ofensiva durante o primeiro tempo; expulsão de jogador foi um entrave para a equipe

Bruno Bravo Duarte
Jornalista e editor com atuação nos portais Torcedores.com e Naspistas.com. Teve passagens por Euqueroinvestir.com, Jornal Povo, Niterói TV, Jornal A Orla e Jornal do Rock. Apaixonado por futebol e automobilismo, torcedor do América-RJ, tifosi de carteirinha e Youtuber nas horas vagas.

O Audax Italiano recebeu o Santos na noite desta quarta-feira (24), quando as duas equipes se enfrentaram pela Copa Sul-Americana, no Estádio El Teniente, no Chile. Em campo os mandantes superaram o Peixe, pelo placar de 2 a 1.

PUBLICIDADE

O tropeço fora de casa é motivo de preocupação para o Alvinegro Praiano, que permaneceu com quatro pontos em terceiro no Grupo E. Do outro lado, o time chileno computou sete, e segue na vice-liderança da chave.

Audax Italiano 2 x 1 Santos

O Santos entrou em campo disposto a conquistar mais três pontos no torneio. Desta forma, o Peixe quase marcou com Daniel Ruiz no início do jogo. O lance motivou o coletivo santista, que buscou o primeiro tento aos 19 minutos. Depois de receber um passe preciso, Camacho finalizou com sucesso.

A equipe mandante se recuperou do susto e manteve uma postura ainda mais ofensiva. Riveiros avançou pela esquerda efetuando um cruzamento para Hachen, que chutou nas mãos do goleiro João Paulo.

Os paulistas responderam com João Lucas, que cruzou rasteiro para Ângelo. Diante da meta, o atleta ofereceu uma assistência para Deivid Washington chutar rente ao travessão.

Em meio a pressão, Joaquim e Sosa forma punidos com um cartão amarelo por causa de uma discussão. Na sequência, o zagueiro santista recebeu o vermelho após uma agressão ao atleta do Audax Italiano. Com a vantagem numérica, os chilenos marcaram em uma cobrança de falta no final da primeira etapa.

PUBLICIDADE

O segundo tempo foi marcado por um maior domínio do Audax em seu campo de ataque. Desta forma, o time do Chile avançou com Rojas que cruzou para Sosa finalizar de cabeça. João Paulo ainda tentou efetuar a defesa, mas não obteve sucesso.

O Santos ainda tentou uma recuperação, mas sucumbiu perante a defesa adversária. Do outro lado, o Audax não teve grandes obstáculos para administrar a vitória. Placar final, 2 a 1.