Home Extracampo Presidente da França diz que tem plano de transferir abertura das Olimpíadas de Paris em caso de terrorismo

Presidente da França diz que tem plano de transferir abertura das Olimpíadas de Paris em caso de terrorismo

Emmanuel Macron já tem outras possibilidades que não o Rio Sena; além dos riscos, palco da abertura dos Jogos Olímpicos enfrenta problemas com poluição

Carlos Lemes Jr
Olá! Sou Carlos Lemes Jr e sou Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL. Escrevo sobre: futebol, mídia esportiva, tênis e basquete. Acredito que o esporte seja uma ótima ferramenta de inclusão, pois, sou cadeirante. Então, creio que uma das minhas "missões" aqui no Torcedores seja cobrir esporte paralímpico. Hobbies: ler, escrever e escutar música.
Presidente da França

Presidente da França, Emmanuel Macron (Shaun Botterill/Getty Images)

A pouco mais de três meses do seu inicio, as Olimpíadas de Paris continua com incertezas em relação à sua cerimônia de abertura. E tais dúvidas ganharam “peso” na voz do presidente da França, Emmanuel Macron nesta segunda-feira, 15 de abril, durante entrevista ao canal de televisão BFMTV.

PUBLICIDADE

“Estamos conscientes e não somos ingênuos, quanto a essa possibilidade (de terrorismo). A cerimônia de abertura é algo mundial. Queremos fazer e vamos fazer. Mas já temos planos B, C”, esclareceu mandatário. Os Jogos estão previstos para ter a cerimônia no dia 26 de julho e as competições irem até 11 de agosto.

Emmanuel Macron falou das alternativas para abertura das Olimpíadas

O presidente também falou de outras praças que podem receber a festividade, caso as forças de segurança da capital francesa emitam algum alerta maior de risco para ataques.

PUBLICIDADE

“Podemos levar a cerimônia para o Stade de France ou Trocadero.”, foi taxativo o dirigente.

Por fim, Macron salientou que o “Mundo está em desordem”, por conta dos conflitos da Ucrânia e na Faixa de Gaza. Por isso, há uma coordenação de segurança com outros países.

Rio Sena enfrenta problemas com poluição

Além das ameaças de terrorismo, Paris enfrenta problemas com a poluição no Rio Sena. Tais níveis de sujeira podem cancelar provas programadas para o local como o triatlo e a maratona aquática, por isso, o governo francês está com uma força tarefa para despoluir o rio. Falando da cerimônia de abertura, a ideia é que cada país participante se apresente em um barco com suas delegações no meio de transporte.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial