Home Mídia Esportiva Silvio Luiz foi ‘responsável’ pela saída de Luciano do Valle da Globo; entenda

Silvio Luiz foi ‘responsável’ pela saída de Luciano do Valle da Globo; entenda

Mesmo como narrador titular da Vênus Platinada na Copa 82, Luciano perguntou ao amigo se tinha um espaço para ele na Record

Marco Maciel
Marco Maciel é jornalista que atua cobrindo futebol brasileiro, com ênfase para o futebol gaúcho com Internacional e Grêmio e para a mídia esportiva. Graduado em jornalismo pela pela PUC-RS, em 2007, está no Torcedores.com desde 2022; passou pela redação e assessoria de imprensa da ALAP (Associação Latino-Americana de Publicidade); edita o site SAMBARIO, voltado para sambas-enredo, desde 2004; e passou a escrever para o site NasPistas.com a partir de 2023.
Silvio Luiz e Luciano do Valle

Silvio Luiz e Luciano do Valle (Divulgação/Band)

Silvio Luiz faleceu aos 89 anos na última quinta-feira (16), devido à falência de múltiplos órgãos. O histórico narrador esportivo foi enterrado ontem (17), em São Paulo. Os torcedores se lembram com carinho da amizade e parceria que o comunicador teve com Luciano do Valle (1947-2014).

PUBLICIDADE

Antes da inesquecível dobradinha de ambos na Band, a dupla se uniu por um breve período na Record em 1983. Apesar de ser o narrador titular da Globo na Copa do Mundo de 1982, Luciano do Valle desejava sair da emissora por ela não disponibilizar o espaço que desejava para a cobertura dos demais esportes.

Na oportunidade, Luciano iniciava a empresa Promoação em sociedade com Francisco Coelho Leal, o Quico. O objetivo era firmar a parceria com uma rede de televisão para a cobertura dos eventos dos desportos olímpicos.

PUBLICIDADE

Na biografia Olho no Lance escrita por Wagner William, o escritor relata uma conversa de Luciano do Valle com Silvio Luiz antes da Copa da Espanha. “Silvio, eu não quero mais narrar futebol. Você não me quer na Record?”, perguntou Luciano.

Surpreso com a proposta do amigo, Silvio Luiz esclareceu a ideia para Paulinho Machado de Carvalho, diretor do canal. O empresário teve um acerto verbal com Luciano do Valle para que narrasse as modalidades promovidas por ele mesmo, assim que terminasse o Mundial de 1982.

Mesmo assim, Paulinho não confirmou oficialmente a contratação do narrador. Logo após a Copa da Espanha, numa reunião da diretoria da Record, o filho do fundador da emissora Paulo Machado de Carvalho perguntou a Silvio Luiz o que seria feito com Luciano do Valle.

“Nós vamos trazê-lo para cá, conforme você combinou com ele antes da Copa”, respondeu o narrador. “Então eu quero que conste na ata da reunião que a vinda de Luciano do Valle para a Record é de inteira responsabilidade do senhor Silvio Luiz”, retrucou Paulinho.

PUBLICIDADE

Silvio devolveu: “Perfeitamente. A vinda de Luciano vai reforçar demais o departamento de esportes da emissora, além disso o projeto dos esportes amadores pode dar um bom resultado”.

Silvio Luiz ‘provocou’ Luciano do Valle no ar

Luciano do Valle ficou um ano na Record narrando os outros esportes, proporcionando o que seria o embrião do consagrado Show do Esporte na Band a partir de 1984. Já Silvio Luiz continuaria como o titular no futebol no canal.

Entretanto, os jornalistas da época informavam que a chegada de Luciano à Record havia sido uma imposição de Paulinho, com Silvio Luiz contrariado. O irreverente narrador resolveu jogar lenha na fogueira para provocar os colunistas e, ao mesmo tempo, impulsionar o trabalho do amigo. “Eu vou falar um negócio que vai estar em todos os jornais amanhã”, prometeu.

PUBLICIDADE

Na transmissão seguinte, Silvio Luiz não teve papas na língua. “Vem um cara pra cá que pode narrar o que ele quiser: vôlei, bolinha de gude, pingue-pongue… mas futebol é comigo”, falou.

Segundo o biógrafo do locutor esportivo, os membros da equipe de Luciano do Valle nutriram uma antipatia por Silvio Luiz depois da declaração. O escritor Wagner William acusou Paulinho Machado de Carvalho de instigar um narrador contra o outro, o que teria abalado a amizade da dupla durante aquele período. Mas ambos se acertariam num jantar, encerrando o mal-estar.

Apenas sete meses depois da contratação pela Record, Luciano do Valle e sua equipe receberiam uma proposta irrecusável da Bandeirantes. Na época, a emissora tinha mais afiliadas espalhadas pelo Brasil e uma infraestrutura maior.

O locutor e empresário cumpriu o contrato com a Record até o fim de 1983 e mudou de emissora no ano seguinte, implementando o histórico Show do Esporte com o preenchimento de toda a grade dominical. Silvio Luiz integraria o projeto de Luciano do Valle na Band a partir de 1987.

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial