Home Tênis Thiago Monteiro vence Kecmanovic e avança às oitavas do Aberto de Roma

Thiago Monteiro vence Kecmanovic e avança às oitavas do Aberto de Roma

Monteiro faz sua melhor campanha em um ATP Masters 1000 na carreira; jogo durou mais de 2h30

Carlos Lemes Jr
Olá! Sou Carlos Lemes Jr e sou Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL. Escrevo sobre: futebol, mídia esportiva, tênis e basquete. Acredito que o esporte seja uma ótima ferramenta de inclusão, pois, sou cadeirante. Então, creio que uma das minhas "missões" aqui no Torcedores seja cobrir esporte paralímpico. Hobbies: ler, escrever e escutar música.
Thiago Monteiro continua campanha em Roma

Thiago Monteiro se joga em quadra após vitória (Reprodução/TV)

Thiago Monteiro continua fazendo história no Aberto de Roma de tênis. Neste domingo, 12 de maio, ele bateu o sérvio Miomir Kecmanovic, 58º do ranking, por 2 sets a 1. As parciais foram de 6/2, 4/6 e 7/6 (com 8/6 no tiebreak) em exatas 2h37 de partida. O jogo foi válido pela terceira rodada do torneio italiano. Essa já é a melhor campanha de Monteiro em uma disputa de Masters 1000.

PUBLICIDADE

“A atmosfera no estádio estava uma loucura, parecia o Rio Open e o público estava quase todo torcendo por mim, não sei porquê (risos), mas foi muito divertido. Hoje foi uma batalha muito dura contra um ótimo adversário e amigo, o Kecmanovic é um jogador muito sólido e agressivo. Eu comecei bem, mas ele começou a jogar muito e voltou pra partida. No fim foi coisa de um ponto e um pouco de sorte. Estou muito feliz de ter competido bem do início ao fim, de ter dado o meu melhor e de estar na segunda semana”, disse o tenista.

O jogador aproveitou para dedicar a vitória a todas as mães do Brasil. “Feliz dia das mães, e em especial, a minha que me proporcionou estar vivendo este sonho.”, encerrou na entrevista em quadra.

PUBLICIDADE

O jogo de Thiago Monteiro

Na primeira parcial, o brasileiro dominou as ações com um saque e devoluções sólidas. Além de contar com um excelente aproveitamento de primeiro saque em 81%. Especialmente, esse número, foi fundamental para que ele mantivesse o serviço e quebrasse Kecmanovic em duas oportunidades e levasse o primeiro set. Outro número bastante expressivo foi o número de winners conquistados pelo cearense: 11 contra quatro do sérvio.

No segundo set, uma quebra de saque, logo no primeiro game, a favor de Kecmanovic definiu o andamento da partida para o lado do sérvio que empatou o confronto em 1 a 1. O tenista da sérvia elevou seu nível de jogo cometendo três erros não forçados contra seis de Thiago Monteiro.

Na parcial decisiva, houve uma firmeza dos sacadores até o 2/2. O sérvio conseguiu uma quebra no quinto game, que logo foi devolvida: 3/3.

 Depois disso, nenhuma quebra ou break-point até o final do jogo e Kecmanovic fez dois bons games de saque quando perdia por 5/4 e 6/5 para forçar o tiebreak.

PUBLICIDADE

Durante o game-desempate, Kecmanovic esteve por duas vezes com um mini-break, primeiro depois de uma curtinha de Monteiro que parou na rede para que o sérvio fizesse 3/2 e depois de um longo rali que ele venceu e abriu 5/3. Mas nos dois casos, Monteiro buscou o empate com erros de Kecmanovic . Thiago também salvou um match-point no saque quando perdia por 6/5. E com outro bom saque, ele chegou ao match-point e não deixou a oportunidade escapar e selou a vitória. O brasileiro liderou a estatística geral de winners por 35 a 25 e cometeu 32 erros contra 24 contabilizados para Miomir Kecmanovic.

Monteiro iguala campanha de Thomaz Bellucci

O fato é que a campanha atual de Thiago Monteiro, já iguala a de Thomaz Bellucci, na mesma Roma, em 2016. Esse ano foi o último a registrar um brasileiro na fase de oitavas de final em um ATP 1000. Na atual edição, Monteiro espera o vencedor entre o norte-americano Ben Shelton e o chinês ZhangZhizhen.