Home DESTAQUE Botafogo supera o Atlético-MG e cola no líder do Brasileirão

Botafogo supera o Atlético-MG e cola no líder do Brasileirão

Glorioso apostou no ataque para conquistar espaços na defesa do Galo; cariocas assumiram a segunda posição do Campeonato Brasileiro

Bruno Bravo Duarte
Bruno Bravo Duarte é um jornalista que atua como editor, redator e repórter há mais de dez anos. Formado em Comunicação Social com habilitação em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá em 2004, teve passagens por EQI Investimentos, Naspistas.com, Jornal Povo, Jornal do Rock e Niterói TV. Atualmente no Torcedores.com
Botafogo x Atlético-MG

Glorioso manteve foco ofensivo para garantir o triunfo (Reprodução - Flickr Botafogo - Vítor Silva)

O Botafogo encerrou a décima quinta rodada do Brasileirão com vitória sobre o Atlético-MG, no Nilton Santos, neste domingo (07). Superior, o Glorioso lacrou o marcador em 3 a 0.

PUBLICIDADE

Com o resultado, a equipe do Rio de Janeiro assumiu a segunda posição do Campeonato Brasileiro, com 30 pontos, um atrás do Flamengo. Do outro lado, o Galo ficou estacionado em 18 pontos, caindo para a décima segunda colocação.

Botafogo x Atlético-MG

O Botafogo manteve total domínio da partida diante de seus torcedores no Nilton Santos. Um dos craques do jogo, Luiz Henrique, abriu o marcador aos 13 minutos para o Glorioso. O jogador marcou um vedadeiro golaço, ao finalizar de maneira colocada.

PUBLICIDADE

A vantagem trouxe um novo ânimo para o Botafogo, que persistiu em seu campo de ataque na partida. Júnior Santos esteve perto de ampliar, mas sucumbiu diante de Matheus Mendes.

Outro fator que contribuiu no maior domínio do Botafogo foi a expulsão de Igor Rabello, que derrubou Luiz Henrique em um contra-ataque. A vantagem numérica manteve o Glorioso em seu campo de ataque, com destaque para as investidas de Cuiabano e Júnior Santos.

O Galo tentou buscar um maior equilíbrio no segundo tempo, em especial, com Hulk que quase marcou um gol de falta na partida. Na sequência, o Botafogo respondeu com Cuiabano, que matou o jogo aos 33 minutos. O ex-jogador do Grêmio ficou com uma sobra para estufar a rede atleticana.

No final da partida, Savarino, deixou a sua marca fazendo valer a “lei do ex” no Niltão. O jogador do Fogão soltou uma bomba de fora da área, concretizando um verdadeiro golaço no Rio de Janeiro. Placar final, 3 a 0.

PUBLICIDADE
18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial