Home Futebol Milito tem expectativa por reforços e volta de lesionados no Atlético-MG

Milito tem expectativa por reforços e volta de lesionados no Atlético-MG

Treinador do Galo evita responsabilizar desfalques por derrota para o Botafogo, porém, mostra grande expectativa por reforços

William Nunes
William Nunes é um redator que atua há dois anos cobrindo futebol internaciol, com ênfase em clubes da Inglaterra, Espanha e Alemanha, sendo eles: Manchester United, City, Arsenal, Chelsea, Liverpool, Bayern de Munique, Barcelona e Real Madrid. Graduado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul em 2019. Atualmente no Torcedores.com.
Gabriel Milito na beira do campo pelo Atlético-MG

Gabriel Milito na beira do campo pelo Atlético-MG (Gilson Lobo/AGIF (via AP))

O Atlético-MG vive um momento de turbulência após a derrota por 3 a 0 para o Botafogo em jogo válido pelo Brasileirão. A fase do Galo, que já era ruim, piorou e o treinador Gabriel Milito falou sobre a expectativa de reforços na equipe.

PUBLICIDADE

O treinador argentino está recebendo vários nomes que poderão fazer sua estreia em breve pela equipe, além de outros que voltam da Copa América e de lesão:

“Os reforços estarão disponíveis quando chegar o momento. Que Rubens esteja recuperado, que Saravia esteja, que Lemos esteja, que Everson esteja. Depois, não sei se jogarão ou não, mas pelo menos estarão disponíveis”, falou.

PUBLICIDADE

“Que Mariano esteja recuperado, Alisson também. Zaracho, muito importante. Imagino que se isso acontecer, seremos mais fortes, se não por qualidade, ao menos por quantidade, que é o que precisamos”, acrescentou.

Na sequência, o treinador Gabriel Milito foi muito franco e evitou usar os desfalques como uma “desculpa” para a goleada sofrida contra o Botafogo:

“Com os atletas que temos, podemos competir e podemos ganhar. Logicamente, se tivéssemos toda a quantidade, melhor. É uma questão que tivemos durante os últimos 30 dias. Por lesão, por suspensão, por jogar na seleção. Mas é preciso competir igual e ganhar. Ou tentar ganhar, reconhecendo as adversidades. Agora, seremos mais fortes e melhores? Claro, imagino que sim”, acrescentou.

Atlético-MG está sofrendo com desfalques na temporada

O momento do Galo não é nada bom e isso se reflete nos resultados recentes. São dois empates e duas derrotas nos últimos cinco jogos do clube mineiro, com apenas uma vitória conquistada.

PUBLICIDADE

Contra o Botafogo, o Atlético-MG teve nove baixas, um número ainda maior do que a média do mês de junho, que foi de 7,5 atletas por partida.

“Sabíamos que seria um jogo muito complicado para nós. De toda maneira, não imaginávamos esses resultados tão adversos, principalmente como foram. Mas não quero falar de coisas que são certas ou reais, muito menos na derrota. Prefiro ser o responsável e não falar disso, porque na derrota isso soa como desculpa”, finalizou ele.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial