Home Futebol Sheik crava melhor técnico do futebol brasileiro hoje: “Sem pensar”

Sheik crava melhor técnico do futebol brasileiro hoje: “Sem pensar”

Ex-jogador classifica que um hiato de dois nomes no futebol brasileiro para os demais concorrentes na função

Cido Vieira
Cido Vieira é um jornalista graduado no Centro Universitário Uninter que trabalha como redator no Torcedores.com desde 2017, com cobertura focada em futebol brasileiro e mídia esportiva. Acumula dentro de sua trajetória na profissão experiência na área radiofônica, sendo setorista de clubes pernambucanos, cobrindo Brasileirão e Copa do Nordeste.
Sheik, ex-jogador

Emerson Sheik durante comentário feito no "Arena SBT" (Reprodução - YouTube)

O comentarista Emerson Sheik colocou o técnico Abel Ferreira, do Palmeiras, como o melhor profissional na área em atividade no futebol brasileiro. A declaração foi dada em meio a um debate no programa “Arena SBT” desta segunda-feira (08). Na visão do ex-atacante, o português é diferenciado e só Tite mais próximo no patamar nacional.

PUBLICIDADE

“Sem pensar em outro nome (Abel)”, disparou Emerson Sheik. Sendo interpelado por Cleber Machado novamente: “Não tem nem um pódio?”, questionou o apresentador.

“Abel e Tite. Só os dois. Está bom. Campeão e vice”, iniciou Emerson Sheik.

PUBLICIDADE

Prestes a completar quatro anos sob o comando técnico do Palmeiras, Abel Ferreira acumula 10 títulos faturados, com destaque para três edições do Paulistão, duas Libertadores e duas edições do Brasileirão Série A.

Se ganhar algum título nas três competições que disputa em 2024, ele se tornará o treinador com o maior número de conquistas no clube palestrino, superando o lendário Oswaldo Brandão, que também marcou época no rival Corinthians.

Sheik faz alerta ao Fluminense

Ainda durante a edição desta segunda (08) do “Arena”, Emerson Sheik prospectou que o Fluminense tem chances de dar a volta por cima no Brasileirão, mesmo estando sob forte ameaça de rebaixamento, diante da fraca campanha. O comentarista disse que Mano pode “dar um jeito” no time, mas pregou a necessidade de “pés no chão” para o clube das Laranjeiras.

“Acho que o Mano vai dar jeito. Eu não teria tirado o Diniz, mas acho que a chegada do Mano vai melhorar. O time do Fluminense precisa mais de humildade, entender o momento, recuar um pouco…”, pontuou o ex-jogador.

PUBLICIDADE

No momento, o Tricolor aparece na lanterna do certame, com sete tentos faturados em 45 disputados. O rendimento é o terceiro pior na história dos pontos corridos, só superando o Avaí de 2019 e a Chapecoense de 2021, clubes que acabaram rebaixados nestas temporadas.

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial