Após derrota na Copa Sul-Americana, Rogério Ceni diz: “Vamos pra dentro deles da mesma forma que fomos aqui”

O Tricolor do Pici precisa vencer no jogo de volta por dois gols de diferença para avançar na competição continental

Wilton Douglas
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Crédito: Reprodução

Nesta quinta (13), o Fortaleza saiu na desvantagem no duelo pela caga na segunda fase da Copa Sul-Americana. O time comandado por Rogério Ceni, perdeu por 1 a 0 para o Independiente, na Argentina.

DAZN agora custa menos de R$1,00 por dia e o primeiro mês é grátis! Assine já!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Mesmo com o revés, o técnico Rogério Ceni elogiou os jogadores pela atuação na Argentina.  “Pelas oportunidades claras, o Fortaleza merecia no mínimo o empate.”

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

“Sinto orgulho dos meus jogadores e tenho certeza de que eles deixaram o melhor dentro de campo. Tivemos bola e jogamos como um time acostumado a jogar a competição. Fico triste com o 1 a 0, o 1 a 1 seria mais honesto. Vamos tentar reverter esse quadro”, respondeu em entrevista coletiva pós-jogo.

“O que pensamos para o jogo realizamos. Minha análise é feita em cima do que criamos. Seguimos o plano de jogo à risca. A expulsão nos surpreendeu um pouco, depois nos reorganizamos em duas linhas de quatro”, continuou.

“O que nós traçamos nós cumprimos. Só faltou a bola pro gol. Empurrar mesmo literalmente a bola pro gol”, complementou.

Perguntado se acredita na virada no jogo de volta, ele disse: “Pensar grande, pensar que é possível. Quando chegar em Fortaleza, os títulos não caminham juntos. Vamos pra dentro deles da mesma forma que fomos aqui”

FICHA TÉCNICA
INDEPENDIENTE 1 x 0 FORTALEZA

Local: Estádio Libertadores de América, Avellaneda (na Argentina)
Data: 
13 de fevereiro de 2020, quinta-feira
Horário: 
21h30 (de Brasília)
Árbitro: 
Wilmar Roldán (da Colômbia)
Assistentes: 
John Alexander Leon e Miguel Stiven Roldán (Ambos da Colômbia)

INDEPENDIENTE: Campaña, Bustos, Franco, Barreto e Sánchez Miño; B.Romero, Blanco, L.Romero e Domínguez; Fernández e S.Romero

Técnico: Lucas Pusineri

FORTALEZA: Felipe Alves, Gabriel Dias, Quintero, Bruno Melo e Carlinhos; Juninho, Felipe, Romarinho e Mariano Vázquez; Osvaldo e Wellington Paulista.

LEIA MAIS

Fortaleza precisa de resultado positivo para se classificar na Copa Sul-Americana

Independiente x Fortaleza: assista ao gol da Copa Sul-Americana