Elenco do Zenit aceita redução salarial de 50%

Os jogadores aceitaram baixar o salário durante os meses de abril e maio, quando termina a suspensão da Liga da Rússia devido à Covid-19.

João Marcelo
Estudante do 3° ano de jornalismo e apaixonado por esportes com ênfase em futebol.

Crédito: Divulgação/ Zenit Football Club

O Zenit anunciou nesta terça-feira (7), que o time principal vai ter um corte de 50% nos vencimentos. O acordo permanece até o fim da suspensão da Liga da Rússia.

A intenção é tentar diminuir o impacto econômico que se espera resultar dessa crise. Com isso o clube consegue efetuar o pagamento de todos os funcionários do clube.

Entretanto, o Zenit não foi o único time da Rússia a fazer essa redução salarial. Na semana passada o Spartak Moscou time do lateral-esquerdo Ayrton Lucas, ex-Fluminense, anunciou uma redução de 40%, até a volta dos treinamentos.

A, oito rodadas do fim do campeonato nacional, o Zenit, time dos brasileiro Malcom e Douglas Santos, lidera a competição com nove pontos de vantagem do segundo colocado. 

Leia Mais

Zenit confirma criação de time feminino e projeta “topo da liga em uma ou duas temporadas”

“Se a equipe perde ele te mata. Mas todos gostavam dele”, diz ex-companheiro sobre Ibrahimovic