Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Iniesta reforça desejo de continuar jogando e relata clima “normal” no Japão na pandemia do coronavírus

Meia de 35 anos deixou o Barcelona no ano de 2018 após mais de duas décadas defendendo as cores blaugranas

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter, @cidovieira90.

Crédito: Divulgação - Vissel Kobe

Atualmente defendendo as cores do Vissel Kobe, do Japão, o meia Andrés Iniesta tem acompanhado as notícias do avanço do coronavírus em sua terra natal, a Espanha. Em entrevista ao Onda Cero ‘El Transistor’, o jogador falou do sentimento vivenciado nas últimas semanas, e ratificou a vontade de seguir atuando dentro das quatro linhas.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva! Siga o Torcedores também no Instagram

“Daqui a notícia corre e é muito pendente, também em nível familiar vivemos tudo com angústia e muita preocupação. Especialmente, o fato de haver mais pessoas afetadas em Albacete do que em todo o Japão”, relata Iniesta.

Segundo o experiente meia, o cenário em Kobe é totalmente distinto, com as pessoas tendo uma vida praticamente normal.

“Aqui as pessoas vivem vidas normais, você fica no sentido de saber o que está passando. A cultura japonesa destaca certas atitudes que minimizam o contágio, como o uso normal de máscaras ou a maneira de se cumprimentar”.

Indagado sobre uma possibilidade de retornar ao Barcelona, Iniesta destacou o desejo de seguir jogando, mas mostrou foco total em cumprir seu contrato no Vissel Kobe.

“Meu lugar agora é continuar jogando futebol e talvez esse momento de relaxamento me permita continuar com outra coisa. Tenho contrato até 2021 e este ano estou bastante motivado com o desejo de jogar novamente e sentir esses momentos com a bola e a grama”, pontuou o meia.

LEIA MAIS: