12 jogadores que saíram de um rival para virar ídolo em outro

Diversos jogadores passaram por um grande time e acabaram virando ídolo em clubes rivais

Eduardo Suguiyama
Eduardo Suguiyama é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado).

Crédito: Reprodução/Twitter Oficial Edmundo

Nesta segunda-feira (11), Darío Conca completa mais um ano de vida, ex-jogador agora chega ao seu 37º aniversário e diante disso vamos relembrar 10 nomes que saíram de um grande time para virar ídolo no rival, como no caso do argentino.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

1 – Conca

O argentino jogou em três clubes do Rio de Janeiro, primeiro no Vasco onde teve boas atuações, mas virou ídolo no Fluminense onde conquistou o Campeonato Brasileiro 2010, sendo o grande destaque da campanha. Posteriormente foi para o Flamengo, mas não brilhou devido as lesões.

2 – Neto

Antes de brilhar no Corinthians nos anos 90, Neto passou pelos seus dois principais rivais, o São Paulo e o Palmeiras.

Neto

3 – Emerson Sheik

O polêmico ex-atacante virou ídolo no Corinthians, mas o atleta foi revelado no São Paulo. Sheik também brilhou no futebol do Rio, teve boa passagem pelos rivais Flamengo e Fluminense.

4 – Tinga

Revelado no Grêmio e com enorme identificação com o Tricolor após quase seis anos defendendo o clube, Tinga foi para o Internacional e no Colorado ganhou duas Libertadores da América.

Tinga

5 – Leonardo Silva

Um dos heróis da conquista da Libertadores 2013 pelo Atlético-MG, Leonardo Silva veio direto do maior rival (Cruzeiro) para defender o Galo.

6 – Rincón

O volante chegou ao Palmeiras em 1994 e fez parte do grande time da época, mas futuramente também brilhou defendendo as cores do Corinthians, foram três anos de diversos títulos com destaque para o Mundial de Clubes da FIFA de 2000.

7 – Romário

O baixinho foi revelado no Vasco da Gama e foi multicampeão no Gigante da Colina, mas também teve passagens marcantes por Flamengo e Fluminense, onde ganhou diversos títulos, principalmente pelo Mengão, destaque para a Copa Mercosul (1999)

8 – Gerson

O meio campista foi revelado pelo Fluminense, ganhou destaque e logo foi vendido para a Europa, no Velho Continente não vingou e voltou para o Brasil para fazer história no Flamengo ao conquistar a Libertadores 2019 e o Brasileirão 2019.

9 – Léo Moura

Antes de virar ídolo no Flamengo, o lateral já tinha passado pelo Vasco da Gama e também pelo Fluminense.

10 – Danilo

‘Zidanilo’ como é conhecido carinhosamente pelos torcedores fez história no São Paulo e foi para o Japão, e ao voltar para o Brasil acabou escolhendo o Corinthians, clube onde virou ídolo também.

Danilo-Corinthians

11 – Serginho Chulapa

O Chulapa foi ídolo do São Paulo, onde é o maior artilheiro da história do clube, mas após quase 10 anos defendendo o Tricolor foi para o Santos onde também virou ídolo e passou a trabalhar após sua aposentadoria na comissão técnica.

12 – Zetti

O ex-goleiro é ídolo do São Paulo, onde conquistou duas Libertadores e dois Mundiais de Clubes, mas para que isso acontecesse o arqueiro teve que deixar o Palmeiras, clube no qual foi revelado.

LEIA MAIS