6 campeões da Libertadores com o Santos em 2011 que não vingaram

Em certo momento esses jogadores foram importantes para o Santos naquela temporada, mas se esperavam mais deles no futebol

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores

Foto: reprodução

 O Santos de Neymar e companhia venceram a Copa Libertadores em 2011, mas além do camisa 10 da Seleção Brasileira haviam outras promessas e outros atletas que se esperavam mais na carreira. Relembramos alguns jogadores que conquistaram a competição continental com o Peixe e não vingaram.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes.

Rafael

Formado nas categorias de base do clube, o goleiro subiu para a equipe profissional naquela temporada, e rapidamente se tornou titular, inclusive, foi um dos responsáveis pela boa campanha santista na competição. Em 2013, o goleiro deixou a Vila Belmiro com destino ao Napoli. Na Itália, não teve um bom desempenho, como no Peixe, passou boa parte dos jogos no banco de reservas. Ao fim de seu contrato, se transferiu para a Sampdoria, mas atualmente o goleiro é jogador do Reading, clube que joga a segunda divisão do Campeonato Inglês.

Danilo

Revelado no América-MG, Danilo chegou ao Santos em 2010. Com 19 anos, o jogador assumiu a titularidade da lateral do Santos, fez o segundo gol do Peixe na final da competição. As atuações chamaram a atenção de clubes europeus, e no mesmo ano se transferiu para o Porto. Em Portugal, foi ao lado de Casemiro os principais destaques, em 2015 acertou com o Real Madrid. O lateral não conseguiu se firmar no Real e nem nos outros clubes em que passou: Manchester City e Juventus.

Ganso

Com certeza, o meia é uma das principais decepções do futebol brasileiro nos últimos anos. Muitos acharam que o jogador teria uma carreira mais consolidada com a Neymar, mas, após uma lesão, não conseguiu mais jogar como antes. Deixou o Santos em 2012 e acertou com o São Paulo, no Morumbi enfrentou altos e baixos, mas chegou ao futebol europeu, porém não conseguiu se firmar no Sevilha e nem no Amiens, da França, atualmente é jogador do Fluminense.

Zé Love

Titular na final da Libertadores, Zé Love também era uma promessa. Formado nas categorias de base do Palmeiras, o jogador chegou ao Santos depois de ser emprestado para diversos clubes. No ano da conquista, o atacante deixou a Vila com destino ao Gênoa, da Itália. Porém, o jogador não se firmou na Europa. Retornado ao Brasil, passou por diversos clubes e atualmente é jogador do Brasiliense.

Maikon Leite

Chegou ao Santos em 2008 para fazer parte das categorias de base, após subir para o time principal, foi emprestado para o Athlético-PR, mas retornou em 2010. Em 2011 era reserva do clube, mas participou da Libertadores. Deixou o clube e acertou com o Palmeiras no mesmo ano. O jogador passou por diversos clubes e atualmente joga do futebol do Amazonas.

Rodrigo Possebon

O meia formado nas categorias de base do Internacional, foi vendido ao Manchester United em 2008, já em 2009, por empréstimo, defendeu as cores do Braga. Em 2010, o jogador desembarcou em Santos, e mesmo sem muitas oportunidades, fez parte do elenco campeão da Libertadores em 2011, porém, após passagem pela Vila Belmiro, Possebon jogou por times médios. Seu último clube foi no futebol chinês, atualmente está desempregado.

LEIA MAIS:

 Por onde andam os campeões da Champions com a Inter de Milão em 2010 

Relembre 5 jogadores que estavam no elenco do Atlético-MG campeão da série B em 2006

13 grandes nomes do futebol brasileiro que passaram pelo Bragantino

Relembre: campeões da Libertadores com o Boca em 2007 que jogaram no futebol brasileiro