Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Lionel Messi doa R$ 3 milhões para hospitais na Argentina para combate ao Covid-19

O camisa 10 da Argentina e do Barcelona doou uma quantia elevada para o país vizinho ao Brasil

Matheus Expedito
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero. 22 anos. Amante do esporte bem jogado e admirador de boas histórias.

Crédito: Miguel Ruiz/FC Barcelona

Nesta segunda-feira (11), o argentino Lionel Messi anunciou a doação de 500 mil euros (aproximadamente R$ 3,15 milhões) para hospitais da Argentina no combabe ao Covid-19. A quantia será usada para a compra de suprimentos  para profissionais de saúde. A contribuição do astro foi confirmada pela Fundação Garrahan, encarregada da campanha “Juntos pela Saúde Argentina”.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“Somos muito gratos por esse reconhecimento do nosso trabalho, permitindo-nos continuar nosso compromisso com a saúde pública argentina”, destacou Silvia Kassab, diretora executiva da Fundação Garrahan.

Entre os equipamentos adquiridos estão: respiradores de transferência, monitores multiparamétricos, bombas de infusão e computadores para as unidades hospitalares de Santa Fé e Buenos Aires (província e cidade autônoma). De acordo com a entidade, outros equipamentos devem ser recebidos em breve com a quantia doada pelo astro, como aparelhos de ventilação e elementos de proteção.

É importante ressaltar que essa não é a primeira doação de Lionel Messi desde que foi anunciada a pandemia, sendo que semanas atrás ele havia contribuído com hospitais de Rosário e Barcelona. Outros craques também contribuíram na crise, como Neymar, Pep Guardiola, Cristiano Ronaldo Sérgio Ramos, etc.

LEIA MAIS: