Seis equipes se opõem ao retorno da Premier League

Por coincidência, são as últimas seis equipes na tabela de classificação da competição

Raphaela Silva
Colaboradora do Torcedores.com.

Foto: Getty Images

Para terminar a temporada 2019/2020, a Premier League precisa que 14 dos 20 clubes votem a favor do retorno da competição. Mas parece que a volta de um dos principais campeonatos do mundo não agrada a todos os clubes da primeira divisão da Inglaterra.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

 

Segundo o jornal Mirror, existem seis equipes que são contra a volta da Premier League. Por coincidência, os seis times que se opõem ao retorno do campeonato, estão, em sequência, nas seis últimas colocações. Tratam-se de  Brighton, West Ham, Watford, Bournemouth, Aston Villa e Norwich.

O Brighton, que se encontra na décima quinta colocação, disse que estaria sacrificando a vantagem de jogar em casa, o que em muitos casos é visto como algo benéfico. Caso a competição retorne, eles irão enfrentar algumas grandes equipes, como Arsenal, Manchester United, Liverpool e Manchester City em casa, além do Leicester fora de casa.

Em contra partida, os seis clubes que mais se destacam na Inglaterra, Arsenal, Chelsea, City, Liverpool, United e Tottenham, pressionam para que a Premier League retorne o mais rápido possível. Além do interesse econômico, alguns clubes lutam por vagas em competições europeias e, no caso do Liverpool, está muito perto de conquistar o campeonato depois de 30 anos na fila de espera.

A fonte revela que nesta semana haverá uma nova reunião da liga com os clubes para tentar convencê-los em um apelo desesperado pela volta do campeonato. Ainda não foi atingido no número mínimo de 14 clubes para aprovação do retorno.

Incentivo do Governo para o retorno da Premier League

Jornais ingleses noticiaram na última semana que o governo da Inglaterra vem incentivando propostas da liga para que a principal competição recomece no meio do mês que vem. O “projeto recomeço”, criado para traçar as etapas do retorno da Premier League, teria alguns protocolos de proteção, como o uso de máscaras durante os treinos.

LEIA MAIS:

Thierry Henry revela que foi “mais fácil” jogar no Arsenal do que Barcelona

Presidente da Federação Inglesa teme que torcedores não voltem aos estádios “tão cedo”

Fábio dispara contra a Seleção: “Muitas vezes, treinador levou nomes pela amizade e não por merecimento”