Carioca 2020: Prefeitura do RJ libera competição; Reunião definirá data de volta

Liberação da prefeitura e resultado de reunião de quarta-feira (17) poderá definir a volta do Campeonato Carioca

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Site Oficial Ferj

O Campeonato Carioca 2020 está muito perto de voltar. Nesta terça-feira (16), a Prefeitura do Rio de Janeiro liberou oficialmente a realização de atividades esportivas como parte da segunda fase das medidas de flexibilização da quarentena na cidade.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

A liberação foi anunciada pelo prefeito Marcelo Crivella, que citou que os jogos do estadual já podem voltar a partir desta semana, com portões fechados. Mas a decisão sobre quando os times estariam liberados para voltar dependerá de uma reunião nesta quarta-feira (17) entre os clubes e a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj).

As medidas impostas por Crivella autorizam a volta de treinamentos e competições na cidade do Rio de Janeiro. O Carioca está entre as competições ‘liberadas’ e durante a terça, reuniões entre clubes e a federação acertaram que, a partir da quinta-feira (18), já haveria alguma liberação para que o retorno aconteça.

Mas este deve esbarrar na oposição de Botafogo e Fluminense. Os dois times se posicionaram contra a volta do estadual afirmando não haver segurança necessária na contenção da doença na cidade. Os dois clubes consideram até mesmo ir à Justiça para impedir a volta.

“A fase permite. Mas isso vai depender com a Federação amanhã (quarta) porque Botafogo e Fluminense querem ter todo o direito (de não jogar) e tem todo esse direito. Ninguém é obrigado a seguir o que a Prefeitura está pedindo. Eles não querem jogar, então, para não ter judicialização e ver o Tribunal de Justiça suspender de novo o campeonato, o que é sempre muito prudente, quando tiver liminar, eles a concedem. A ideia é fazer um acordo. Quem quiser jogar, joga. E quem não, vamos ver se pode jogar em julho”, disse Crivella na coletiva.

LEIA MAIS
Carioca: MP-RJ pede divulgação de protocolos para volta do futebol

Morre aos 63 anos Marinho, ídolo do Bangu, Atlético-MG e Botafogo</a>

(Crédito da foto: Divulgação/Site Oficial Ferj)