Gerson? Patrick de Paula? Bruno Henrique? Jorge Jesus ‘enquadra’ diretoria e aguarda chegada de mais reforços para o Benfica

Ao todo, o clube português já contratou sete jogadores desde a chegada de Jorge Jesus

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Alexandre Vidal /Flamengo

Recém-contratado pelo Benfica, o técnico Jorge Jesus já está agitando os bastidores do Estádio da Luz. Tratado como a maior aposta para o time realizar uma grande temporada, o português está insatisfeito com a atuação da diretoria na busca por reforços.

Siga o Torcedores também no Instagram

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!

De acordo com o jornal português “Record”, ele está pressionando o presidente Luís Filipe Vieira. O treinador argumenta que ele não terá condições de alcançar as metas estabelecidas. A conquista do Campeonato Português, só para exemplificar, é considerado prioridade.

Ainda segundo a publicação, o dirigente disse que o clube vem encontrando dificuldades devido à falta de recursos financeiros. Por outro lado, Rui Costa, diretor esportivo do Benfica, tenta negociar alguns jogadores fora dos planos do Mister para abrir espaço na folha salarial.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Isso, porém, não quer dizer que o Benfica está parado no mercado. Pelo contrário. Luís Filipe Vieira autorizou o empresário Giuliano Bertolucci a buscar reforços para o clube. No Brasil desde o começo desta semana, ele vem conversando com dirigentes de Flamengo e Palmeiras.

De acordo com a reportagem, Jorge Jesus quer reforços para a zaga, meio-campo e um atacante. Mas principalmente para o setor ofensivo. Após a chegada do treinador, o Benfica já contratou sete jogadores para a temporada 2020/2021.

Até o momento, o treinador recebeu o goleiro Helton Leite, o lateral-direito Gilberto, o zagueiro Jan-Vertonghen, além dos atacantes Dyego Souza, Everton, Luca Waldshmidt e Pedrinho. Por outro lado, a diretoria negociou a saída de 13 jogadores.

Pensando na movimentação do clube nesta janela de transferências, o Torcedores.com listou os pedidos de Jorge Jesus para a próxima época. Afinal, o Mister está sendo exigente dentro e fora de campo para que o Benfica cumpra com o que foi prometido. Confira a lista!

Léo Pereira

Mesmo tendo contratado o belga Jan-Vertonghen, o zagueiro do Flamengo ainda é tratado como um grande alvo do Benfica. A transferência esteve muito perto de acontecer no começo deste mês, mas o atual técnico rubro-negro, Doménec Torrent perdiu para a diretoria manter o jogador. A diretoria do clube português tenta reduzir a pedida do time da Gávea. A multa rescisória está avaliada em 12 milhões de euros (R$ 78 milhões, pela cotação atual).

Gerson

Um dos principais nomes do Flamengo em 2019, o meia é considerado fundamental para os planos de Jorge Jesus para a próxima temporada. Especulado em clubes como o Newcastle e Tottenham, o jogador é uma exigência de Jorge Jesus. A multa é de 60 milhões de euros (R$ 390,3 milhões). O Benfica tem o apoio do Grupo Bertolucci para tentar adquirir os direitos econômicos do atleta.

Patrick de Paula

De acordo com o jornal português “A Bola”, a revelação do Palmeiras tem um acordo encaminhado para defender o Benfica. Os clubes, porém, ainda trabalham no alinhamento de cláusulas contratuais. Ainda segundo a publicação, os Encarnados ofereceram 20 milhões de euros (R$ 130,1 milhões) por 100% dos direitos econômicos. Além disso, concedeu ao clube paulista 15% de uma futura transferência.

Mariano Díaz

O dominicano naturalizado espanhol foi indicado por Jorge Jesus após o Benfica fracassar nas negociações com Edinson Cavani. Fora dos planos do técnico Zinedine Zidane, Mariano está pouco disposto a ir jogar no futebol português. Segundo o jornal espanhol “As”, o atacante pediu um salário de 5 milhões de euros (R$ 32,5 milhões) por ano, sem impostos, para vestir a camisa Encarnada. A princípio, a negociação está estagnada.

Bruno Henrique

Considerado o melhor jogador do Flamengo em 2019, Bruno Henrique ainda é o maior alvo do Benfica para a próxima temporada. O técnico Jorge Jesus, inclusive, vem fazendo sucessivos contatos afim de convencer o atacante a se transferir para o Estádio da Luz. A princípio, a conduta do treinador vem irritando a cúpula rubro-negra. A multa rescisória de Bruno é de 35 milhões de euros (R$ 227,6 milhões). O empresário Giuliano Bertolucci pode ser o avalista dos Encarnados nesta negociação.

LEIA MAIS: