Site divulga conversas de Robinho sobre estupro: “Não estou nem aí, a mulher estava completamente bêbada”

Caso de agressão sexual teria acontecido em 2013, na Itália, quando Robinho ainda jogava no Milan. Confira os trechos disponibilizados pelo Globoesporte.com!

Rafael Brayan
Apaixonado pelo estudo do esporte mais praticado no mundo.

Crédito: Ivan Storti/Santos FC

Contratado recentemente pelo Santos, o atacante Robinho foi condenado em 1ª instância na Itália por violência sexual em grupo de uma jovem albanesa. A decisão do Tribunal de Milão (de 2017) não é definitiva e a defesa do jogador e Ricardo Falco, acusado ao lado do ex-Seleção, contestam e apresentam os recursos.

CONFIRA TAMBÉM: Robinho não é o único! 5 nomes da Série A que já foram acusados de agressão a mulher

O site Globoesporte.com conseguiu acesso às transcrições de uma ligação que foram utilizadas na Justiça do caso de 2017. O processo trata apenas os casos de Robinho e Falco. Entretanto, outro quatro homens estão sendo julgados à parte por deixarem a Itália durante a investigação.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

Robinho foi interrogado em abril de 2014 e negou a acusação. Ele ressalta que teve relação sexual com a vítima, mas foi algo consensual de sexo oral e sem relação com a ação coletiva dos outros acusados. Ricardo Falco, porém, teve seu sêmen presente nas roupas da jovem.

A Justiça autorizou que diversas gravações de ligações telefônicas fossem transcritas. Uma das conversas deu a certeza à justiça italiana que os dois acusados sabiam da real condição da vítima numa boate de Milão, chamada Sio Café, no dia 22 de janeiro de 2013.

CONFIRA TRECHOS DAS TRANSCRIÇÕES DE CONVERSAS DE ROBINHO SOBRE O CASO

Falco: Ela se lembra da situação. Ela sabe que todos transaram com ela.
Robinho: O (NOME DE AMIGO 1) tenho certeza que gozou dentro dela.
Falco: Não acredito. Naquele dia ela não conseguia fazer nada, nem mesmo ficar em pé, ela estava realmente fora de si.
Robinho: Sim.

Além das gravações de ligações nos telefones grampeados, o carro de Robinho teve escutas instalados pela polícia. Jairo Chagas, músico que tocou na boate naquela noite, avisando o jogador da investigação. O ex-Milan responde: “Estou rindo porque não estou nem aí, a mulher estava completamente bêbada, não sabe nem o que aconteceu”.

“Olha, os caras estão na merda… Ainda bem que existe Deus, porque eu nem toquei aquela garota. Vi (NOME DE AMIGO 2), e os outros foderam ela, eles vão ter problemas, não eu… Lembro que os caras que pegaram ela foram (NOME DE AMIGO 1) e (NOME DE AMIGO 2)…. Eram cinco em cima dela”, completou Robinho.

O músico e Robinho voltaram a se falar sobre o episódio em janeiro de 2014. Confira o trecho da transcrição disponibilizada pelo Globoesporte.com:

Robinho: A polícia não pode dizer nada, eu direi que estava com você e depois fui para casa.
Jairo: Mas você também transou com a mulher?
Robinho: Não, eu tentei. (NOME DE AMIGO 1), (NOME DE AMIGO 2), (NOME DE AMIGO 3)…
Jairo: Eu te vi quando colocava o pênis dentro da boca dela.
Robinho:  Isso não significa transar.

De acordo com a publicação do site, a investigação reuniu conversas entre os outros amigos acusados que estavam no local com Robinho. Chamado de ‘Amigo 4’ na transcrição, um dos amigos do jogador demonstrou preocupação com o atacante contratado pelo Santos.

NOME DE AMIGO 4: Irmão, tive dor de barriga de nervoso, eu me preocupo por você, amigo.
ROBINHO: Telefonei a (NOME DE AMIGO 3), e ele me perguntou se alguém tinha gozado dentro da mulher e se ela engravidou. Eu disse que não sabia, porque me recordo que eu e você não transamos com ela porque o seu pênis não subia, era mole… O problema é que a moça disse que (NOME DE AMIGO 1), (NOME DE AMIGO 2) e (NOME DE AMIGO 3) a pegaram com força.


VEJA TAMBÉM:

Robinho não é o único! 5 nomes da Série A que já foram acusados de agressão a mulher

Neymar faz 3, ultrapassa Ronaldo e garante vitória do Brasil contra o Peru; assista aos gols