Após duelo nas Eliminatórias, zagueiro do Peru detona Neymar: “É um palhaço”

Neymar marcou três vezes no duelo e garantiu a vitória do Brasil fora de casa

Bruno Romão
23 anos, estudante de Jornalismo, amante da escrita, natural de Campina Grande (PB) e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Em entrevista à “América TV“, Carlos Zambrano avaliou o duelo entre Peru x Brasil. Mesmo saindo na frente do placar, os donos da casa levaram a virada do time de Tite e foram derrotados por 4 a 2. Por ter acertado o rosto de Richarlison, o zagueiro, um dos principais responsáveis por marcar Neymar, foi expulso após o lance ser revisado no VAR.

Diante disso, o peruano criticou a conduta do camisa 10 da seleção brasileira. Portanto, avaliou que o atacante procurava, constantemente, o contato com os defensores adversários, algo que motivou as penalidades máximas que foram marcadas.

““Ele é um dos melhores do mundo, mas para mim é um palhaço. Ele sabe de tudo que fazia em campo… Se jogou na área para ver se marcariam um pênalti e no final conseguiu seu objetivo , porque marcaram dois, mas não foram”, declarou.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

“Dói que eles roubem este jogo de nós em casa, com um Brasil que não precisa dessa ajuda com alguns pênaltis que não foram. Estávamos tranquilos para fazer um grande jogo contra um dos melhores rivais do mundo. Se não fossem os erros do árbitro, a história era outra. Íamos reclamar com o árbitro e ele nos calava totalmente, condicionou-nos a não falarmos ou tiraria um cartão (do bolso)”, completou.

Com o hat-trick anotado no jogo, Neymar ultrapassou Ronaldo no ranking da artilharia da seleção brasileira. Sendo assim, o brasileiro ganhou moral para a sequência das Eliminatórias, mirando outros feitos coletivos e individuais com a Seleção.

LEIA MAIS