Rizek cita “respeito à vida” e critica aglomeração de torcedores do São Paulo: “Absurdo e até criminoso”

Apresentador não aprovou festa de torcedores do São Paulo antes do duelo contra o Flamengo

Bruno Romão
23 anos, estudante de Jornalismo, amante da escrita, natural de Campina Grande (PB) e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Reprodução/Sportv

Em publicação nas redes sociais, André Rizek não concordou com a aglomeração nos arredores do Morumbi antes de São Paulo x Flamengo. Visando apoiar o Tricolor Paulista, um grupo enorme de torcedores marcou presença no local, ignorando recomendações de isolamento social. Sendo assim, o apresentador criticou o fato da festa não ter sido evitada pelas autoridades, e questionou a conduta das pessoas presentes no ambiente.

“Gostaria de poder elogiar a festa que centenas (milhares?) de pessoas fazem para a chegada do São Paulo, no Morumbi. Mas o amor por um clube não pode ser maior que o respeito à vida. Isso é um absurdo, criminoso até. Não pode entrar no estádio, vai se aglomerar do lado de fora?. Pior é que isso foi amplamente anunciado pela organizada durante a semana. Nem o clube, nem a polícia, nem a CBF… ninguém agiu para impedir! Tudo isso em meio ao aumento de casos na cidade de SP. Somos um retumbante fracasso no combate ao vírus. Na verdade, somos aliados dele”, escreveu.

NOVA FESTA?

Agora, o episódio pode se repetir nas semifinais da Copa do Brasil. Como o público ainda está vetado nos estádios por conta da pandemia, os torcedores do São Paulo devem recepcionar o clube mais uma vez na porta do Morumbi, caso nenhuma restrição seja imposta.

Acompanhe as notícias do seu time do coração pelo Facebook

LEIA MAIS