Abel Ferreira evita falar sobre arbitragem e pede desculpa por se exaltar em Choque-Rei: “Não foi exemplo”

Abel Ferreira chegou a chamar o árbitro ‘fraco’, mas após o jogo se desculpou e reconheceu que seu comportamento não foi à altura do time Alviverde

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Premiere

O técnico Abel Ferreira ficou revoltando com a arbitragem de Leandro Vuaden no empate por 1 a 1 no clássico contra o São Paulo, no Morumbi, em jogo atrasado do Campeonato Brasileiro. Após a marcação do pênalti a favor do time da casa, o comandante português ‘desabafou’ ainda à beira do campo.

“Nós vamos embora por vossa culpa, é por vossos erros que a gente vai embora. Fraco. Estão a estragar o jogo”, disparou Abel, que recebeu cartão amarelo pela reclamação.

Em entrevista coletiva após a partida, o treinador pediu desculpas pelo comportamento. “As minhas primeiras palavras, sou ser humano e cometo meus erros, tento me comportar bem, mas não tive um comportamento à altura de um treinador do Palmeiras, independente do que se passa em campo. Tenho que corrigir hoje e quero pedir desculpas pelo meu comportamento, queira razão ou não. Fica aqui meu pedido de desculpas e me comprometer para ter um comportamento ao nível da exigência do Palmeiras”.

“Não vou falar do árbitro. Só dizer que independente do que passou, o meu comportamento foi fruto de reação e emoção, da minha vontade de querer ganhar. Não vou comentar, tem que olhar para mim e corrigir o meu comportamento. Não foi exemplo”, completou.

Com o empate, o Palmeiras chegou aos 57 pontos, um a mais que o Grêmio, e subiu para a sexta colocação na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro -a equipe agora igualou a tabela e tem os mesmos 36 jogos de todos os demais times. Na próxima rodada o Alviverde enfrenta o Atlético-GO, na segunda-feira (22), no Allianz Parque, às 18h (de Brasília).

LEIA MAIS:
Palmeiras empata no fim e encerra sonho de título do São Paulo; veja lances do jogo
Acabar com as chances de título do São Paulo foi o único alento do Palmeiras no Morumbi

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes