Coritiba anuncia renovação de contrato de Rafinha por uma temporada

Rafinha renovou contrato com o clube paranaense até abril de 2022

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ Coriitba

Antes de mais nada, o Coritiba anunciou nesta quarta-feira a renovação de contrato do seu principal jogador na temporada de 2021, o atacante Rafinha. O experiente jogador de 37 anos estendeu seu vínculo até 30 abril de 2022 com o clube.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Para ficar no Coritiba, Rafinha teve que chegar a um consenso com a diretoria. Afinal, o presidente Renato Follador está trabalhando para combater a crise financeira que o clube em enfrentando.

O Torcedores.com apurou que o atacante também recebeu um aumento salarial. Com o reajuste, ele vai ganhar R$ 250 mil por mês. Além disso, o valor o coloca como maior salário dentro do elenco superando o goleiro Wilson.

Considerado um dos maiores ídolos da torcida coxa branca na atualidade, Rafinha teve o apoio da família para renovar com o clube de coração. Aos 37 anos, o jogador rechaçou ofertas de clubes da Arábia Saudita, Emirados Árabes e Qatar para seguir no Alto da Glória.

“Depois que chegamos aqui, nossa vida mudou completamente. Não só dentro de campo, fora também. A estrutura familiar, tudo o que temos foi o clube que proporcionou. No futebol, eu sou conhecido como o camisa 7 do Coritiba. Não tenho palavras para agradecer tudo o que o Coxa fez pela gente”, declarou Rafinha ao site oficial do clube”.

A carreira de Rafinha

Nascido em Guarulhos, São Paulo, Rafael da Silva Francisco foi revelado nas divisões de base da Portuguesa. Ele, inclusive, foi um dos destaques da equipe na Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2002.

Apesar de ter surgido com status de grande promessa, Rafinha disputou apenas uma partida oficial antes de deixar a Lusa em 2004. Posteriormente, passou por São Paulo, Santo André, Grêmio, São Caetano, Goiás, Paraná e Al-Shabab, da Arábia Saudita.

Ao todo, Rafinha soma duas passagens pelo Coritiba: 2010 a 2013 e 2019 a 2021. Nesse ínterim, disputou 168 partidas e marcou 28 gols. Além disso, conquistou a Série B do Campeonato Brasileiro (2010) e o Campeonato Paranaense (2010, 2011, 2012 e 2013).

Viveu o melhor momento da carreira quando defendeu o Cruzeiro. Foram 141 jogos e 14 gols nos três anos que vestiu a camisa celeste. Ele, inclusive, ajudou o clube a faturar as taças da Copa do Brasil (2017 e 2018) e do Campeonato Mineiro (2018 e 2019).

LEIA MAIS: 

Fortaleza avalia técnicos estrangeiros antes de fechar substituto de Enderson Moreira; português é oferecido 

Botafogo inicia conversas para renovar com Rafael Navarro, no radar de clubes europeus 

‘Rei das assistências’: Arnaldo é o jogador com mais passes para gol no Atlético-GO em 2021