Nova proposta por Taty, demissão de dirigente, time no clássico e mais: as notícias do Palmeiras nesta quinta (15)

Palmeiras se prepara para o clássico contra o São Paulo nesta sexta

Marcel Thomé
Colaborador do Torcedores.com

Crédito: Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação

Passada a decepção por não conquistar a Recopa Sul-Americana, o Palmeiras já vira a página e volta as atenções para o Paulistão. O time alviverde terá nesta sexta (16) o Choque-Rei diante do São Paulo, às 22h, no Allianz Parque, e o técnico Abel Ferreira deverá escalar uma equipe completamente reserva já que há desgaste dos titulares que jogaram na quarta.

No entanto, as notícias do Palmeiras fora de campo também ganharam destaque nesta quinta. O clube deu uma nova cartada na busca por um centroavante e fez uma oferta nova por Taty Castellanos, do New York City.

Outra especulação relacionada ao clube é sobre a possível demissão de Anderson Barros, diretor de futebol alviverde, por causa das frustradas negociações neste início de temporada. (leia mais abaixo).

Veja as principais notícias do Palmeiras nesta quinta (15):

O Verdão tenta ainda trazer um novo centroavante a pedido de Abel Ferreira e o jovem argentino já admitiu que gostaria de vir.

Confira um levantamento sobre os cobradores de pênaltis do Verdão nas últimas decisões.

Um possível time diante do São Paulo é a seguinte: Vinícius Silvestre; Mayke (Garcia), Kuscevic, Alan Empereur e Esteves; Gabriel Menino (Danilo Barbosa), Zé Rafael e Gustavo Scarpa; Giovani, Willian e Luiz Adriano (Rafael Elias).

Segundo Jorge Nicola, os conselheiros do Verdão não estão satisfeitos com a atuação de Anderson Barros, que pode cair em breve.

Veja quem será o responsável pelo apito no duelo com o Universitario-PER na próxima semana.

Principal centroavante do clube, o camisa 10 está devendo bastante quando o assunto são pênaltis.

Veja o que disse o camisa 21 sobre ter batido o primeiro pênalti da carreira pelo Verdão.

Clube terá nada menos do que 12 partidas a disputar em 26 dias entre Paulistão e Libertadores.

Treinador lamentou o título ter escapado das mãos da equipe e assumiu culpa.

LEIA MAIS: