Jorge Jesus explica “tá mal, Arão” e exalta o jogador do Flamengo: “Ídolo da torcida”

Ex-treinador do Flamengo ressaltou importância do camisa 5 durante sua passagem no Flamengo

Bruno Romão
24 anos, jornalista formado pela Universidade Estadual da Paraíba, amante da escrita, natural de Campina Grande e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Reprodução

Em especial na “FlaTV” celebrando seus 300 jogos, Willian Arão recebeu uma mensagem de Jorge Jesus. Dessa forma, o treinador do Benfica, que chegou a criticar fortemente o jogador do Flamengo em sua chegada, algo que virou meme nas redes sociais, exaltou a forma como o atleta cresceu no clube e alcançou o status de ídolo.

“Arão era um patinho feio, mas depois da nossa chegada se tornou um jogador muito importante para aquilo que achávamos que o Flamengo tinha que ter como primeiro volante. Quando saímos do Flamengo, ele já era um ídolo da torcida, porque tem uma forma de jogar que todos os torcedores de qualquer equipe do mundo gostam. Ele se entrega para o jogo, é competitivo, é inteligente taticamente”, declarou.

Além disso, Jesus exaltou a forma como Willian Arão vem atuando como zagueiro. Com Rogério Ceni, o camisa 5 passou a atuar como zagueiro, e vem recebendo elogios. O ‘Mister’ também recordou suas críticas ao atleta logo em sua chegada, afirmando que desejava chamar atenção para o posicionamento em campo.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

“Não é normal um jogador que era segundo volante passar a ser primeiro volante e, agora, um zagueiro. Só um jogador muito inteligente, com características especiais, que se adaptam a qualquer posição. Isso é tudo que um treinador quer. Aquela frase que disse: ‘Arão, tá mal’ porque estava mal posicionado. Quero dar os parabéns a ele e espero que ele continue defendendo essa camisa como faz, como dizem os torcedores do Flamengo. Que seja muito feliz, porque o Flamengo fica muito feliz de te ter também”, completou.

LEIA MAIS