Paysandu traça perfil, avalia nomes e mira contratação de ‘especialista’ em Série C do Brasileiro

Com passagem pelo Remo, Márcio Fernandes é o favorito para comandar o Paysandu

Wilson Pimentel
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação/ Vila Nova

O primeiro dia do Paysandu sem um treinador foi de reuniões para a definição de um perfil que o clube entenda ser necessário para a disputa da Série C do Campeonato Brasileiro. E que além disso que possa dar uma repaginada no time que era comandado por Itamar Schülle.

O Torcedores.com apurou que nomes como Márcio Fernandes, Paulo César Gusmão e Hélio dos Anjos, são alguns nomes avaliados pela diretoria bicolor nesse momento. A expectativa na Curuzu é que o novo treinador seja anunciado nas próximas horas.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Márcio Fernandes, que está livre no mercado após comandar o Santo André no Campeonato Paulista, está no radar desde o começo do ano. A princípio, o treinador, que acumula passagens por Santos e Remo, é o favorito para comandar o Papão.

No Paysandu, o discurso é de que a prioridade é substituir o trabalho de Itamar Schülle pelo de um treinador que tenha experiência na Série C do Campeonato Brasileiro. Márcio Fernandes, inclusive, venceu duas vezes a competição com o Vila Nova: 2015 e 2020.

Foi por isso também que o nome dele foi levado ao presidente Maurício Ettinger, pelo estilo de jogo que maior intensidade, prioriza a velocidade e pela capacidade de trabalhar com jogadores revelados no clube.

Por outro lado, uma ala da diretoria bicolor defende a preferência por uma aposta com mais rodagem no cenário nacional. Por isso, Paulo César Gusmão, ex-coordenador técnico do Vasco e Hélio dos Anjos, atual técnico do Náutico, foram lembrados internamente.

Paysandu deve ter técnico interino na final do Parazão

O assunto sobre a escolha do novo treinador é tratado como prioridade pelo Paysandu. A diretoria, inclusive, espera finalizar a contratação ainda nesta semana. Apesar disso, as chances são remotas de vê-lo à beira do campo contra a Tuna Luso.

No domingo, Wilton Bezerra, integrante da comissão técnica permanente bicolor, deve comandar o time no segundo jogo da final do Campeonato Paraense. Para ser campeão no tempo normal, o Papão precisa vencer por três ou mais gols de diferença. Em caso de vitória bicolor por dois gols de diferença, a decisão vai para os pênaltis.

LEIA MAIS: 

Itamar Schülle não resiste a goleada e é demitido pelo Paysandu 

Livre no mercado, ex-atacante de Corinthians, Santos e Vasco é oferecido ao Paysandu 

Criado no Flamengo, lateral destaque da Portuguesa no Campeonato Carioca está na mira do Paysandu